PUBLICIDADE

Página Principal : Lei Geral


Candidatos ao Enem devem aguardar governo e manter estudos



Candidatos ao Enem devem aguardar governo e manter estudos

Exame deve ser realizado em prazo de 30 a 45 dias, na primeira quinzena de novembro

Depois do adiamento do Enem, anunciado nesta quinta-feira (1º) pelo MEC (Ministério da Educação), os estudantes devem manter normalmente a preparação para os vestibulares e aguardar orientações do governo sobre a nova data da prova.

Ao todo, 4,1 milhões de Candidatos se inscreveram no exame, que, neste ano, tornou-se requisito para a entrada em pelo menos 40 universidades federais. Além disso, o exame é obrigatório para quem disputa uma bolsa do ProUni (Pograma universidade para Todos).

Ainda não há um prazo definido para a realização do exame ? a estimativa é que a prova seja realizada em 30 ou 45 dias. Isso pode acontecer na primeira quinzena de novembro. Os alunos terão a confirmação da data por meio de carta, mensagens de SMS (torpedos de celular), pelo site oficial e, possivelmente, por e-mail.

Apesar de uma das principais reclamações dos candidatos ser o fato de eles terem sido obrigados a fazer a prova muito longe de casa, o Inep ? órgão responsável pelo Enem ? diz que os locais de aplicação devem permanecer os mesmos

Mas os ?atrasados? não devem se animar: apesar do adiamento, não será aberto um novo período de inscrição.

Escolha complicada

Uma questão que ainda é dúvida é se o Enem será marcado para a mesma data de um grande vestibular, fazendo com que os candidatos tenham de escolher entre um e outro.

Paola Comunale, de 21 anos, vai tentar entrar pela quarta vez em medicina e descarta sacrificar oportunidades em vestibulares importantes como a Fuvest, que seleciona alunos para a USP, ou a Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).

? Não deixaria mesmo . Também acho difícil que eles marquem para o mesmo dia de uma prova importante. Talvez no lugar de alguma faculdade particular, mas não das grandes.

Cabeça nos livros

Vestibulares

Com o cancelamento do Enem, alguns vestibulares poderão ser alterados. A Fuvest anunciou que o uso da nota no exame na primeira fase da USP será revisto junto ao Inep. A mesma medida será tomada em relação ao bônus de 6% para candidatos que cursaram o ensino médio em escola pública.

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), que usa o Enem para compor 20% do vestibular, declarou que poderá não utilizar a nota este ano. A universidade encerra inscrições para o vestibular no dia 6 de outubro.

Já a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), que havia aberto as inscrições para o processo seletivo 2010 nessa quinta-feira (1º), interrompeu temporariamente o cadastro dos vestibulandos e aguarda reunião da Reitoria para anunciar reabertura.

Para os que já estão inscritos, especialistas consultados pelo R7 recomendam o ritmo de estudo seja mantido, já que há outros vestibulares pela frente.

Vera Lucia da Costa Antunes , coordenadora do curso e colégio Objetivo, diz que a orientação é manter o ritmo de preparação, mesmo sem saber quando será a prova ? ela compara esse momento com o ?sprint final? de uma prova de corrida ou natação.

? É importante deixar claro que a dedicação nessa época do ano é fundamental. Os alunos têm de continuar a vida deles normalmente, estudando. Se eles pararem agora outros concorrentes vão passar na frente.

Isso acontece também porque neste ano o Enem deve cobrar conhecimentos mais específicos das matérias, com um conteúdo muito similar em relação aos vestibulares ? até 2008, a prova era mais voltada para interpretação de textos, gráficos e imagens.

Para Quézia Bombonatto, da Associação Brasileira de Psicopedagogia, os estudantes devem encarar o adiamento da prova do Enem como uma oportunidade.

? Esse semestre foi muito tumultuado para os alunos, que tiveram as aulas prorrogadas em razão da gripe suína. Agora escolas, cursinhos e estudantes poderão replanejar seus estudos e ver os conteúdos que faltaram.

Amanda Matos, aluna do cursinho Anglo, tinha programado uma semana mais leve de estudos por causa das provas do Enem. Com o adiamento, irá aproveitar o fim de semana para estudar mais e colocar as matérias em dia.

? A gente fica bem atordoada com uma mudança de data como essa. Muitos dos meus finais de semana de novembro em diante estão comprometidos, com outros vestibulares


Veja mais em: Lei Geral

Artigos Relacionados


- Um Enigma Chamado Enem
- Oab-sp Aprova Mais 416 Bacharéis De Direito Em Pedido De Recurso
- O Custo Da Vitória
- Formação De Professores
- O Ensino E A Burocracia
- Exame é Uma Bomba?
- Relato De Uma AvaliaÇÃo Bem Sucedida

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online