PUBLICIDADE

Página Principal : Política


O príncipe



O príncipe
A obra de Nicolau Maquiavel relata meios de se alcançar o poder e de se manter no mesmo quando este for alcançado. O autor elabora no livro teorias e prova a realização da mesma por fatos históricos, apontando onde cada príncipe acertou e como deveria ter agido em caso de erro.

No livro existem lições muito importantes para um príncipe, como a de que é preferível ser odiado a amado, pois quando amado e tudo vai bem ele terá vários amigos, mas quando houver algum problema todos deixarão de apoiá-lo, sendo que o temor de uma punição faz os homens pensarem duas vezes antes de trair seus líderes. Defende também a idéia de que o príncipe não precisa necessariamente ter qualidades, mas que deve deixar parecer ao povo que ele as tem, já que às vezes é preciso que ele haja contra essas, de que não se deve dar motivos para o povo odiá-lo e de como o príncipe deve agir diante das finanças, que é melhor ser visto como miserável do que gastador, entre outras lições.

A teoria de Maquiavel torna-se interessante por não ter vínculos éticos, morais e religiosos, ele mesmo apóia hora o bem, hora o mal e diz que a conduta do príncipe deve ser de acordo com a situação. Isso leva a uma reflexão de que o ser humano está sempre em transformação e que não se deve manter o pensamento fixo, uma vez que tudo a sua volta está em transformação. Ainda no livro é que surge a famosa teoria de que os fins justificam os meios, que apesar de não ser apresentada com essas palavras é nele formulada, significa que não importa o que o governante faça em seus domínios, desde que seja para manter-se como autoridade.

Essas e outras lições são analisadas por Maquiavel historicamente e com isso ele presenteia Lorenzo II de Médicis, que pertencia a uma das famílias mais importantes da Itália, considerando a coisa mais preciosa que poderia ser dada por ele a um príncipe, que merecia o melhor. Apesar de a leitura ser cansativa, é obrigatória para todos que são líderes, e tem que controlar e satisfazer um grande número de pessoas. Por ser um volume antigo os exemplos dados por Maquiavel também o são, porém as lições que ele ilustra muito bem, essas serão sempre atuais e aplicáveis.


Veja mais em: Política

Artigos Relacionados


- Os Clássicos Da Política
- Politica Na Idade Média
- O Príncipe
- O Principe
- O Príncipe
- Lutero E Maquiavel ? A Ética Do Pragmatismo Renascentista (parte 3 )
- O Príncipe

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online