PUBLICIDADE

Página Principal : Política


As Sete Maravilhas



Foi falta de lembrança. Perfeito, perfeito, perfeito, era mudar a data das eleições em Lisboa. Sete de Julho de 2007. Seria a apoteose dos sete magníficos. Já imagino o cenário...Campo Pequeno, casa cheia, povo ao rubro... Eis que entra a primeira maravilha, Carmona Rodrigues, qual Muralha da China, possui quilómetros, de lata, o maravilhas, não a Muralha. O candidato Muralha irá fazer sombra ao Marquês. Enterrou os vivos, desenterrou um morto, ele próprio. "O Zé faz falta". O Zé Povinho? O Zé Maria do Big? O Zé Manel Taxista? Não. É o Zé, simplesmente, a segunda maravilha do cartaz. Vem de terras de Sua Majestade, a Queen, um verdadeiro ícone. Direito e certinho nas canelas da oposição qual Big Ben marca o ritmo e compasso, a hora e o atraso dela, quando, depois de obra feita coloca, trancas, em qualquer câmara de T.V. mais disponível. A Oriente tudo é exótico na maior "alegria" do poema escrito, "Lisboa para os cidadãos". O amor anda no ar, o Tajmaal,é um hino, ao dito, cantado na voz singular da Arquitecta. Olhos arregalados de espanto. Bocas que se abrem num murmúrio... E agora? Que fazer com esta "maravilha envenenada "? Não é grave..."o Sultão Alegre" mandou construir o Templo em honra da amada. É só poesia, o povo é sereno... A quarta maravilha "saltou" de um lugar cimeiro e marcou terrenos. Aqui vou eu mandar ou, não fosse eu Ministro das Policias! Afastem-se. Rigor muito rigor. Chegou o "menhir" do Obélix ? Sócrates. Um peso pesado, que chegou para vencer, sem coligações, porque isto de trazer ao colo a quinta maravilha, o Cristo Rei, nem com porção mágica. Para além de pesado está sempre de braços abertos, pior que isto só o comunista "Rubinho" qual Cristo Rei vestindo a pele de quinta e sacrificada maravilha. O espectáculo decorre a bom ritmo a sexta maravilha faz a sua apresentação. Originalíssima! É o Neg (r ) ão a desfilar na Marquês de Supucaí... Samba no pé. Força bateria do Mestre Mendes!!! Avante ala das Baianas, avante " Baiana Manelinha"!!! " A Marquês" é toda vossa...qual sexta maravilha que se esfuma em manhã de cinzas de uma quarta-feira "independente" qualquer... E por último a sétima maravilha. Um pouco rebuscada na "garagem Portas" mas mesmo assim com direito a participação e, quiçá, eleição, para chefe de turma... Um verdadeiro líder recompensa sempre os seus melhores alunos, já Manuel Monteiro, o afirmou... No lamento de Ribeiro e Castro, no chorinho da Zézinha todos foram unânimes, um lamento de candidato. Perdão! de Muro... A apresentação está feita. Que o povo escolha o "bote" para se salvar, do naufrágio, a que chegou, a sua, nossa, cidade.


Veja mais em: Política

Artigos Relacionados


- Brasil _ Ame-o Ou Deixe-o
- A História Das 7 Maravilhas
- A Paixão é Cega, Mas Você Não!
- Abstrato Dedicado Ao ZÉ
- Http://viagem.br.msn.com/esp Eciais.aspx?cp-documentid=18 532340
- A Semana Santa
- O PÁssaro E A OraÇÃo

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online