PUBLICIDADE

Página Principal : História


A História da Humanidade



Escreva seu resumo aqui..

Ter a
pretensão de escrever a história da humanidade, não é fácil. Em termos
biológicos e históricos, não estamos aqui há muito tempo. No entanto, em termos
estruturais - para um livro - parece muito, muito tempo.
É com maestria que Hendrik faz isso. Ao vermos o
índice da obra, nos damos com os primeiros capítulos de interesse. Em
"Nossos antepassados mais remotos", o autor nos mostra o
"tataravô" da raça humana. Vale a pena ressaltar que, além do bom
humor com que essa história é narrada, há as deliciosas ilustrações de
Adam Simon. Na versão atualizada, as ilustrações ficaram a cargo de Dirk Van
Loon.
Continuando a viagem, Hendrik avança para o "Homem
Pré-Histórico". Com clareza, e capítulos curtos, ele nos mostra o
essencial sem, porém, esquecer detalhes fascinantes. O capítulo dedicado à
"Mesopotâmia", por exemplo, há os nomes antigos dos rios Tigre e
Eufrate - respectivamente, Diklat e Purattu. Ah, devo lembrar que esse livro é
um clássico - Hendrik Willen nasceu em 1882. Em seu prefácio, ele deixa claro
como despertou sua paixão e sua sede pelo conhecimento.
Especial atenção ele dá à Civilização Grega. São cinco
capítulos dedicados a eles, sem contar a clássica luta entre Persas e Gregos.
Ah, sim, a Batalha das Termópilas é mencionada.
Mais um pulo, e Roma se torna o assunto principal. Willem
nos conta como "Roma aconteceu", sua trajetória e a chegada do menino
que iria mudar tudo: estamos adentrando na era do Cristianismo. E com essa nova
religião, a história muda. O Império encontra seu fim; agora, temos a ascensão
da Igreja.
Se por um lado temos o cristianismo, não podemos esquecer de
Ahmed - o "caravaneiro que se tornou profeta". Em outras palavras,
Ahmed se torna Maomé. É o início da religião mulçumana.
Pausa para Carlos Magno, rei dos francos, e desejoso de
retomar a glória de um Império Ideal. Avançando mais a linha do tempo,
atingimos o Feudalismo e os ideais da Cavalaria. Daí, para a Era Medieval é um
pulo ? ou algumas páginas. Na Idade Média, o autor mostra as idéias principais:
Cruzadas, o Mundo Medieval, a Inquisição... O Renascimento. Alguns chamam este último do período mais
rico da história, embora ele também contenha certas atrocidades, como as idéias
de satanismo, perseguição às mulheres (eram suspeitas de bruxaria, devido
algumas conhecerem certas curas conforme a medicina primitiva), e outras
barbáries, como a escravidão. Ora, não é nesse período que ocorrem os Grandes
Descobrimentos?

Tópicos
como ?A Reforma?, ?Mercantilismo?, ?Revoluções?, também fazem parte. A obra é
atualizada até o século XXI. É impossível um leitor não se apaixonar pelo
estilo do livro; tampouco não se divertir com os desenhos. No fim da obra, há
uma deliciosa trajetória da humanidade... com desenhos. Enfim, um livro genial.
Recomendo.



Veja mais em: História

Artigos Relacionados


- A Europa Medieval _ Parte I
- A Filosofia Na Idade Média
- Falando Um Pouco Sobre A Idade Média.
- A Europa Medieval _parte Iii
- Febvre: Os Apoios Da Irreligião
- A Educação Na Antiguidade Greco-romana (2)
- Projeto - Análise De Risco E Decisão

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online