PUBLICIDADE

Página Principal : Política


América Central ? População e Economia



América Central ? População e Economia

A população varia de acordo com uma dosagem de 3 componentes raciais. Os indígenas, primitivos habitantes da região foram quase completamente exterminados pelos colonizadores, os brancos e escravos negros formam os outros componentes. Os mestiços são o resultado da fusão das raças branca e indígena. Independentemente do número, os brancos controlam a economia e a política de quase todos os países. Apresenta um mapa político extremamente fragmentado. As nações das Antilhas somam cerca de 30 milhões de pessoas distribuídas por 13 estados independentes e uma dúzia de colônias pequenas e pouco povoadas.

Economia ? Um barril de pólvora» Do ponto de vista sócio-econômico tais países estão unidos por uma característica comum: a enorme concentração de renda e de terras em poucas mãos. Na Guatemala, 72% do solo pertencem a apenas 3% das famílias, o que é uma fonte de miséria para a maioria da população. A renda per capita é baixíssima; no Haiti 300 dólares, Honduras 580, Guatemala 980. Comparando com outros países: França 22.200 dólares; Brasil 3100; Suíça 31.150. O Haiti detém um índice de 47% de analfabetismo e mortalidade infantil de 9%, seguido por Honduras Com 27% e 8% respectivamente; Cuba apesar do embargo econômico é uma excessão á regra com 6% de analfabetos e 1,1% de mortalidade infantil. O continente é constantemente sacudido por explosões sociais como a onda de violência que assola a Guatemala desde 1954, a guerra civil em El salvador e a revolução na Nicarágua em 1979. Os conflitos colocam em confronto os pequenos mas poderossísimos grupos dominantes e as multidões famintas e oprimidas. Os primeiros são geralmente apoidos pelos EUA e os segundos pelos países socialistas. Em tempos remotos, foi habitada pelos maias, civilização atrasada do ponto de vista tecnológico e militar e que foi destruída pelos espanhóis. A fragilidade econômica de tais países propiciou empresas estrangeiras, principalmente norte-americanas, condições para controlar a política local, uma delas é a United Frit Company, com sede nos EUA, com gigantescas plantações de banana na Costa Rica, Honduras, Guatemala, Panamá, um império que condiciona a vida política, econômica e social dos países do istmo, esses grupos possuem interesse em impedir mudanças na atual situação, frustando expectativas de progresso econômico e justiça social e acarretando tensões como repressões sistemática, esquadrões da morte, revoluções armadas, guerra civil.



Veja mais em: Política

Artigos Relacionados


- República De Honduras
- América Latina ? Um Barril De Pólvora
- Países Da América Central ?belize E Costa Rica
- América Latina ? Guatemala
- O Apartheid Na África Do Sul
- A América Do Sul
- Mortalidade Infantil - 2007

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online