PUBLICIDADE

Página Principal : Comunicações e Mídia


A política em cena e os interesses fora de cena



O texto propõe que a política midiática é composta por muito mais atores que a comunicação e a política. Para comprovar esta tese, o autor apresenta as relações destes campos com o campo dos negócios. Segundo este argumento, é o capital financeiro oriundo do mundo dos negócios que possibilita ao campo político atingir o padrão exigido pelo campo da comunicação para que se acesse a esfera da visibilidade pública.

Esta tese apresenta a política midiática como um sistema de interesses e recursos em que cada campo tenta atingir seus objetivos, oferecendo o mpinimo possível. Existem momentos em que esta relação se deturpa, exemplo disso é quando o poder de um campo é tão grande que a ingerência deste sobre os outros ultrapassa a barreira do bom-senso.

Assim, o autor conclui que a política midiática é jogada por diversos autores que negociam os seus interesses fora de cena, de modo o formatar a política joga na cena da Esfera Pública.


Veja mais em: Comunicações e Mídia

Artigos Relacionados


- A Boa Escola No Discurso Da Mídia
- O Futuro Da Propaganda
- Estratégias Da Comunicação - O Que É O Espaço Público (parte 2)
- A Noção De Campo De Pierre Bourdieu
- Que Coisa é A Política
- O Capital Social: Notas Provisórias
- A Reprodução

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online