PUBLICIDADE

Página Principal : Comunicações e Mídia


Cultura,sobrevivencia,simpli cidade,realidade,familias,al egria,decepçao



Troca de Família

         Fiquei curiosa,como reagiria uma senhora hippie vivendo na casa de um delegado na cidade de

São Paulo.E o que aconteceria com a esposa deste delegado na comunidade hippie.

          Já no aeroporto,a surpresa: A hippie é bem recebida pelo delegado.Mas do outro lado a paulista

tem uma decepçao pelo aspecto físico do hippie que não toma banho e nem corta e lava cabelos a meses.Na casa confortável em S.Paulo tem os trigêmios de 5 anos e uma adolescente filhos do casal pau-lista,que a receberam como se estivessem diante de uma índia.

          Na comunidade hippie onde conforto é só o da natureza,assusta a paulista(esposa do delegado)

          O banho era no rio,as crianças brincam no campo,é no mato que fazem suas necessidades,que na

cidade são feitas no banheiro.A noite tem o toque de recolher.

          No  primeiro dia era novidade para eles a mãe rica,ela foi ao supermercado da cidade vizinha,

comprou alimentos,gulozeimas que eles não estavam acostumados.Do mesmo jeito grosseiro que o hippie

se dirigia a esposa,assim fez com a outra Que chegou a chorar.Na cultura deles só a mulher tem obrigações de cuidar  dos filhos.O homem vive do artezanato. Mas como disse ele "aqui é só paz e amor." Reconheço que as crianças,aparentemente são sadias e felizes.Muitas vezes faltando o necessário.

          Em São Paulo,o delegado muito gentil,as crianças educadas,deixam a hippie feliz apesar de estar

com saudades da família.

          Ela resolve fazer uma festa  Paz e Amor para família. Foi uma alegria;um jeito simples de se diver-

tir:cantando,tocando violão e contando histórias da vida que todos souberam apreciar!

          A paulista também resolveu dar uma festa,mas acabou por transformá-la  numa decepção,pois ela

só sabia reclamar do lugar,e das pessas simples amigas da família.

          Por fim ela pediu para produçao que não aguentava mais e queria voltar.

          Quando as duas se encontraram a hippie elogiou a família do delegado.Para sua decepção  a pau

lista fala que lá onde ela estava era o inferno.

          A hippie muito dignamente pediu: Não quero ouvir mais nada!

           "Cada um com sua cultura ,é lá que me sinto bem!   

Obs:No final de 1 semana cada família recebeu R$25.000,00.



Veja mais em: Comunicações e Mídia

Artigos Relacionados


- Instituição Familiar
- Era SÓ Terror PÂnico, Mal Medicado !
- Anos Rebeldes: Os Jovens Dizem Não
- Novas Linhas De Dramas Familiares
- Opinião - Sinópse Sobre Filme Antes De Partir
- Comercial Cachinhos
- O Dia Que Virei Tom Cruise

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online