PUBLICIDADE

Página Principal : Comunicações e Mídia


Uma paisagem atravessada pela desregulamentação (Parte 1)



Durante os 70/80 verificou-se uma mutação profunda nos media europeus: a desregulamentação dos media, que consiste ?modificação das regras de organização de uma actividade com vista a aumentar a própria concorrência?.

A desregulamentação significa: desmonopolização da rádio e da televisão no quadro do Estado nacional e da União Europeia.

Antes da grande subversão
Durante os anos 60, face ao crescimento da rádio e da televisão, os diários tornaram-se ?produtos? pouco aliciantes.
As revistas entravam numa etapa da história graças ao off-set, à fotocomposição e à evolução da quadricomia. Os anos 60 são os da afirmação das magazines.
Na paisagem radiofónica, a maior parte dos países europeus vivia em regime de monopólio público, numa situação de diversificação: uma estação nacional generalista, por vezes uma estação nacional cultural ou ainda uma rede de estações regionais ou uma cadeia nacional com desdobramentos regionais.
Durante os anos 60, quase todos os países da união europeia passavam da emissão a preto e branco à cor, e alguns dotaram-se mesmo de uma segunda estação.

Uma profunda mutação técnica
Durante os anos 60, graças às novas técnicas de fotocomposição e de offset, a produção redaccional e industrial da imprensa e a sua comercialização e gestão serão profundamente alteradas.
Os jornalistas passarão agora a dactilografar e paginar os seus próprios textos, estejam eles na sede do jornal ou em qualquer parte do mundo. Os computadores abrem novas possibilidades de informação. Directores artísticos e grafistas melhoram o aspecto visual dos diários e dos periódicos. Passa a ser possível transmitir os textos à distancia.
Os computadores possibilitam uma gestão mais eficaz e uma melhor comercialização dos produtos.
Este melhoramento considerável das condições de produção favorecerá o lançamento de novos diários e periódicos. A queda das ditaduras portuguesa, espanhola e grega favorecem o lançamento de novos diários. O aumento do nível de escolarização nos países do Sul da União, associado ao desenvolvimento acelerado do nível de vida, do poder de compra, e ao crescimento do investimento publicitário, teve como consequência um aumento do público leitor e a subida das receitas dos jornais.

Diários concebidos de outra maneira
Alguns diários multiplicaram o n.º de edições regionais ou locais de modo a aproximarem-se mais dos leitores. O melhoramento das condições de fabrico assim como a redução dos investimentos necessários ao lançamento de um diário favoreceram o aparecimento de novos jornais regionais e locais.
Mas para além destes, nascem também autênticos quotidianos transnacionais, e pequenos diários dirigidos a grupos socioprofissionais específicos.
Esta ?desregulamentação teve consequências socialmente trágicas, com o desaparecimento de categorias sociais afastadas pela intervenção dos computadores: linotipistas, dactilógrafos, paginadores,?

Tradições diversas
A paisagem da imprensa europeia foi também objecto de uma recomposição. Na Europa do Norte, verificou-se uma erosão ou estagnação das vendas. Na Europa do Sul, a tendência é para a alta. No entanto, enquanto no Reino Unido o n.º de consumidores de diários em 1990 era de 393 por 1000 habitantes, em Portugal esse n.º era de 39 e em Espanha 77 na mesma altura.
Se a leitura era um hábito bem enraizado no Norte, o fenómeno era pouco conhecido no Sul onde predominava a oralidade nas relações sociais.
Também os sistemas de comercialização são diferentes. No Norte da União, os diários são entregues directamente entregues em casa do leitor. No Sul, são adquiridos avulso.
A evolução dos investimentos publicitários também favoreceu significativamente a imprensa diária, que nos anos 80-90 aumentou cerca de 1,4 a 4,2 nos países do Norte, e 12, 6 a 18,4 nos países do Sul.
Actualmente, a imprensa diária procura levar ao leitor uma informação factual rica e uma perspectivação  dos acontecimentos da actualidade, dirigindo-se a públicos cada vez mais exigentes de forma a satisfazer melhor as necessidades de informação.

A europeização das magazines
As magazines foram objecto de uma notável diversificação e de uma revolução técnica que transformou as magazines em ?produtos? de grande qualidade estética.
Entre os vinte e cinco primeiros títulos europeus em termos de difusão, encontramos catorze magazines de televisão com 1,2 e 3,3 milhões de exemplares, seis femininos entre 1,2 e 2,6 milhões, e cinco generalistas com 1,3 a 1,8 milhões.
Existem hoje na União Europeia 982 diários e 19681 magazines.
A evolução dos investimentos publicitários nos magazines, revela um movimento de alta de 4,331 a 10,1 mil milhões de dólares entre 1980  e 1991.
Enquanto a imprensa diária permanece essencialmente  nacional ou regional, os magazines ultrapassam facilmente essas fronteira e dirigem-se a um público de toda uma área linguística, dado que o seu conteúdo é intemporal e pouco sensível aos factos estritamente nacionais.

Da raridade à abundância
A partir dos anos 60, milhares de ?rádios livres? passaram a fazer parte da paisagem radiofónica europeia.
A desmonopolização do controlo político do sector ocorreu primeiro em Itália (1975), depois em França (1977), Bélgica (1978) e Espanha e Portugal (1979). Depois da penúria a abundância: quinze anos depois haviam já oito mil estações na UE.
Essa abundância levou os operadores de rádio a adoptarem novos posicionamentos de modo a alcançar públicos específicos e a suscitar o interesse dos anunciantes, verificando-se uma grande diversificação no plano musical.
Apareceu também uma especialização temática, com estações dedicadas à informação contínua, ou exclusivamente sobre o mundo dos negócios, isto é, as rádios começam a apostar mais em públicos especializados.

(ver Parte II no link disponibilizado em baixo em 'Links Importantes')


Veja mais em: Comunicações e Mídia

Artigos Relacionados



 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online