PUBLICIDADE

Página Principal : Antropologia


Continuação do resumo.



Continuação do Resumo "AS CONSEGUENCIAS DA MODERNIDADE" ANTONY GIDDENS. PARTE 1.
Existe uma discursão acerrada no contexto da modernidade sobre a preservação do meio ambiente e o aquecimento global. Que ao nosso ponto de vista e uma discurssão inútil e que tem um discurso planfetário, com o intuito de subverter a ordem da culpa, procurando inocentar um sistema que baseou sua evolução na exploração desenfreada dos recursos naturais. Nos meios de comunicação, tanto nos jornais como nas redes de TV e comum vermos reportagens dizendo que todos têm que contribuir para a preservação do meio ambiente e nos sensibilizar com o aquecimento global, nesse discurso todos temos nossa parcela de culpa! Por diversas vezes esse pensamento já deve ter passado pela sua mente! A seguinte reflexão: ?Como nós pessoas comuns podemos ter tanta contribuição para o aquecimento global, se não somos dono de madeireira, não possuímos usinas nucleares é o que ganhamos não da nem para comprar um carro?. A culpa se deve aos paises mais desenhevolvidos que utopicamente associavam a exploração dos recursos naturais ao desenvolvimento e ao progresso, com uma idéia igualitária no contexto social, pregando um bem estar ilusório entre todos, idéias essas fortemente influenciadas por pensadores iluministas e que depois de certa forma foram englobadas pelo socialismo, que pregava que na sociedade moderna todos viveriam numa sociedade mais justa com condições de trabalho melhores.Retornando a Anthony Giddens e questão da segurança e risco, aproveito para citar. ?Que o mundo em que vivemos hoje é um mundo carregado e perigoso diferentemente do que se pensava, que a modernidade levaria a formação de uma ordem social mais feliz e segura?. (Giddens,1991). Acredito que nunca na historia da humanidade houve tanta incerteza quanto ao seu futuro. O autor nos convida a repensar algumas perspectivas sociológicas clássicas, limitações que continuam a afetar o pensamento sociológico nos dias de hoje. Para a formação de uma ordem sociológica mais feliz e segura como se pensava que a modernidade traria, juntamente com progresso tecnológico. As percepções que Antony Giddens nos passa é de que no contexto atual da modernidade a criação e o desenvolvimento de novas tecnologias ocasionaram mudanças gigantescas afetando diretamente o comportamento é os costumes de todos os grupos que fazem parte da sociedade moderna. Através de mecanismos de desencaixe Giddens aborda a questão das fichas simbólicas, principalmente a que se refere ao dinheiro. Marx falava do dinheiro como ?Prostituta universal? um meio de troca que nega o conteúdo dos bens e seviços substituído-os por um padrão impessoal. Traduzindo em outras palavras o dinheiro permite a troca de qualquer coisa por qualquer coisa, desde que os envolvidos estejam em comum acordo. O dinheiro torna possível a generalização destes, devido ao seu papel de ?pura mercadoria?. Ganhando assim a significação de encurtar a distancia entre coisa desejada e coisa adquirida. Na economia moderna o dinheiro tem um papel fundamental, no processo de desencaixe monetário, muito maior do que em outras civilizações pré-modernas em que existia dinheiro.

O texto continua, estarei postando a continuação assim que possivel.



Veja mais em: Antropologia

Artigos Relacionados


- Finalização Do Resumo "as Conseguencias Da Modernidade"
- Os Contornos Da Alta Modernidade
- Modernidade Versus Pós-modernidade
- Dinheiro
- O Que Está Em Risco Não é O Clima, Mas A Liberdade
- O Outro
- Modernidade Líquida

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online