PUBLICIDADE

Página Principal : Antropologia


Fases do desenvolvimento hominídeo



O homem é um primata que, de um antropóide, transformou-se em um hominídeo. As mudanças devem ter ocorrido no final do Plioceno, mas a maior parte dos primatas, do Mioceno, foi extinta.De modo geral, pode-se reconhecer quatro fases estruturais básicas: 1. Pré-hominida, do Australopithecus; 2. Homo erectus, do Pitecanthropus; 3. Homo sapiens, do Neandertal; 4. Homo sapiens sapiens, do Cro-Magnon. O Astralopithecus (astral, sul; pithecus, macaco), também chamado de homem-macaco, pré humano, macaco-homem e quase-homem, pertence a família dos Homínidas e à fase pré-humana. Constitui-se no mias antigo remanescente dos homínidas conhecidos.Viveu durante o Pleistoceno e no final do Plioceno, conforme recentes descobertas na África, cujos fósseis foram datados de um a três milhões de anos atrás. Extinguiu-se por volta do Pleistoceno médio.Era ereto, bípede e habitava em terrenos muito mais aberto do que seus antepassados. Tinha feição simiesca, era baixo, caixa craniana pequena, molares extremamente desenvolvidos e projeção dos ossos da face, entre outros traços.Homo Erectus: Fósseis hominídeos, do Pleistoceno Médio, datados entre 1,5 milhões de anos aproximadamente 200.000 anos atrás e foram encontrados na África, sudeste da Ásia e no sul da Europa. Mostra mudanças evolutivas rápidas na mandíbula e na capacidade craniana, que aumentou de aproximadamente 850 cm3 (1,5 milhões de anos) para 900 cm3 (o,8 milhões de anos) e de 1000 para 12000 cm3, entre 05 e 0,3 milhões de anos, bípede, altura de 1,60 m mais ou menos. Principalmente os espécimes mais primitivos diferem muito dos humanos atuais na forma do crânio e em outras características, tais como as arcadas supraciliares salientes e a ausência de queixo, mas os exemplares mais recentes (entre 0,4 e 0,2 milhões de anos) têm uma aparência tão moderna que podem ser chamados de sapiens, redução dos molares, caninos menores, modificações da estrutura facial (humanização), mas permanência da pretuberância supra-orbital, diminui o prognatismo da boca, o foramem magnum situa-se mais à frente, havendo maior equilíbrio da cabeça. A modificação da pélvis permite caminhadas mais longas. Rosto curto, nariz chato, arcos superciliares bem marcados e abóbada craniana mais alta e larga. É bem mais evoluído do que os astralopitecíneos.Homo Sapiens: Na Europa Ocidental, no período entre 70.000 e 30.000 anos atrás, tinha arcadas supraciliares salientes e era baixo e forte e é normalmente chamdo H. S. nearderthalensis. O homem de Neanderthal, entretanto, tinha uma postura completamente moderna e cérebro grande - talvez até o maior que a média atual. Durante o mesmo período existiam no Oriente Médio, populações referidas como H. S. Sapiens. O desaparecimento do homem de Neanderthal é um assunto muito polêmico; eles podem ter sido extintos devido às condições climáticas do Pleistoceno, a conflitos com populações invasoras do leste ou simplesmente terem se cruzado com as populações vindas do leste, de forma que perderam suas características peculiares.O neardertalense é relativamente pequeno, medindo de 1,55 a 1,7 m. possui cabeça mesocéfala, com cérebro volumoso: o homem, cerca de 1540 cm3 e a mulher com 12000 cm3 mais ou menos. Face maciça, fronte fugida, rosto proeminente e nariz largo; presença do quixo e órbitas grandes e redondas; mandíbula robusta, enormes superciliares, dentes e ossos dos membros semelhantes aos dos humanos.Homo Sapiens Sapiens: O grupo final de homems fósseis é conhecido pela designação de Cro-Magnon. Viveu durante o Plestoceno Superior, de 35 a 10 mil anos passados (antes da época recente).Ocupou a Europa, a Ásia e a África, cegando mais tarde à América e Austrália. A região mais típica desse grupo situa-se na França, na localidade chamada Dordonha, perto de Les Eyzies. Deve ter sido contemporâneo do homem de Neandertal, em dado momento, mas suas relações são desconhecidas. Apresenta as seguintes características físicas: caixa craniana de 1200 a 1600 cm3, dolicocéfalo, altura oscilando entre 1,72 e 1,86 m. Rosto reto, nariz desenvolvido mais fino, testa larga, mandíbula forte, estrutura robusta e esqueleto bem construído.Na Europa, compreende duas raças principais: 1. Cro-Magnon e 2. Chancelade.Grimaldi e Combe-Capelle são varientes das duas raças. Representa o protótipo dos grandes grupos raciais: a) Cro-Magnon - para os brancos; b) Chancelade - para os asiáticos; c) Grimaldi - para os negros.


Veja mais em: Antropologia

Artigos Relacionados


- Homo Sapiens Sapiens
- Homo Sapiens
- Australopithecus
- Homo Sapiens Primitivo
- Marvin Harris: Introdução A Antropología Geral. Antropología Física.
- A Família Do Homem
- O Homem E Os AntropÓides

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online