PUBLICIDADE

Página Principal : Antropologia


A demiurgia genética. In: ADEUS AO CORPO: antropologia e sociedade





4.6 A
demiurgia genética


Segundo o antropólogo David Le Breton, ?a biologia molecular possibilita modificar geneticamente a espécie humana, construir formas de existência animal ou vegetal ainda inéditas. A fantasia de perfeição da condição humana abandona o terreno político e encontra uma vitalidade entusiasta no terreno da genética. Se a abolição do mal tem sido socialmente impossível, se não se pode melhorar o social como tal, resta agir no óvulo, com a autoridade dos geneticistas, e modelar um indivíduo capaz de abrigar todas as qualidades de saúde, aparência, existência...? . Dessa forma a genética dirá o futuro da humanidade. Nas palavras de Le Breton: ?Existe um contraste trágico entre essa vontade de reformar o corpo humano das sociedades ocidentais e o abandono sanitário de uma imensa parte do mundo. Os ocidentais lutam contra o excesso de colesterol ou sonham em modelar os genes para fabricar um homem perfeito, enquanto em outros lugares as crianças morrem de fome ou por falta de medicamentos elementares para combater seus males? . Tristes realidade de uma sociedade paradoxal cheia de contrastes.




Veja mais em: Antropologia

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online