PUBLICIDADE

Página Principal : Antropologia


A Formação da Classe Operária



Segundo o economista Paul Singer, o operário não é apenas aquele homem que trabalha nas fabricas, do qual temos uma imagem convencional, trabalhando na execução das tarefas de operação das maquinas; sendo o proletariado ou a classe operaria basicamente o conjunto das pessoas desprovidas de propriedade ou de qualquer fonte de renda, que por isso são obrigadas a alugar a sua capacidade de trabalhar, vender a sua força de trabalho para viver. São os assalariados.

 Podendo-se considerar que hoje vivemos uma nova Revolução Industrial.

 Se, num primeiro momento, o setor industrial cresceu à custa de mão-de-obra barata e desqualificada, atualmente isso já não é possível.

 O serviço mecânico e repetitivo dos primeiros operários está sendo substituído pelas inovações tecnológicas e o desenvolvimento da ciência, o que explica o desemprego estrutural e a grande quantidade de pessoas ocupadas na economia informal.

 A gestão participativa exige do operário maior qualificação, capacidade de raciocínio e decisão e criatividade.


Veja mais em: Antropologia

Artigos Relacionados


- Teoria Do Estudo ?tempos Modernos? De Taylor
- Novas Tecnologias & As Fases Da Revolução Industrial
- Revolução Técnico-científica-terceira Revolução Industrial
- O Sistema Capitalista E A IdÉia De Classes Sociais
- Centralismo Democrático
- A Divisão Do Trabalho
- A Primeira Revolução Industrial

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online