PUBLICIDADE

Página Principal : Economia


Capitalismo e liberdade



" para manter o alto nível de emprego. . . e um subsequente boom, uma forte oposição dos ''homens de negócios''. . . uma vez que pleno emprego não é o que eles desejam. Os trabalhadores ''botariam suas mãos '' e os ''capitães da indústria'' ficariam ansiosos por ''dar-lhes uma lição'''''' porque "sob um regime de permanente pleno emprego, ''o saqueio'' cessaria de exercer seu papel como instrumento de disciplina. A posição social do patrão seria solapada, a auto-confiança e a consciencia de classe do trabalhador se elevaria. As greves por maiores salários cresceria e a melhora nas condições de trabalho criaria uma tensão política. . . ''disciplina na fábrica'' e ''politica de estabilidade'' são mais apreciadas pelos homens de negócios do que lucros. Seus interesses de classe falam mais alto. Do ponto de vista deles, pleno emprego soa como algo mórbido e o desemprego se constitui em uma parte integral da normalidade do sistema capitalista". Michal Kalecki

A propriedade privada em muitos aspectos assemelha-se a um estado particular. O dono ou a dona manda "no pedaço", portanto exerce um monopólio do poder sobre ele. Quando o poder é não é transferido para terceiros (auto-poder) é uma fonte de liberdade, mas sob o capitalismo o poder é uma fonte de autoridade coercitiva. Conforme Bob Black afirma em The Abolition of Work:
"Os liberais, conservadores e libertarianos que se queixam do totalitarismo são impostores e hipócritas . . . Você encontra o mesmo tipo de hierarquia e disciplina em um escritório ou fábrica tanto quanto numa prisão ou monastério . . . Um trabalhador é um escravo de meio-período. O patrão determina quando chegar, quando sair, e o que fazer neste espaço de tempo. Ele ordena a você a quantidade de trabalho que deve produzir e o tempo dispõe para faze-lo. Ele é livre para impor seu controle da forma mais humilhante, estabelecendo as regras que lhe vem à cabeça, ele manda nas roupas que você veste ou determina quantas vezes você vai ao banheiro. Com poucas excessões, ele pode demitir você por alguma razão ou por nenhuma razão. Ele mantém você sobre vigilância através de delatores e supervisores que desenvolvem um dossiê sobre cada empregado. Qualquer reação contrária é qualificada como ''insubordinação'', como se o trabalhador fosse uma criança desobediente, podendo não apenas demití-lo mas também demití-lo por "justa causa". . .O aviltante e degradante sistema de dominação que acabo de descrever prevalece sobre a metade das horas em que ficam acordados a maioria das mulheres e a vasta maioria dos homens por décadas, na maior parte de suas vidas. De certa forma não é tão falso chamar nosso sistema de democracia ou capitalismo ou -- na melhor das hipóteses -- industrialismo, mas seu verdadeiro nome é fábrica fascista e escritório oligárquico. Qualquer um que diga que estas pessoas são ''livres'' é mentiroso ou estúpido".


Veja mais em: Economia

Artigos Relacionados


- Capitaslismo E Liberdade Iv
- Capitalismo E A Liberdade Iii
- Capitalismo E Liberdade -ii
- Aprenda A Ser Feliz Em Qualquer CircuntÂncia
- Saiba Tudo Que A Disciplina Pode Fazer Por VocÊ
- Saiba Como Vencer O Desemprego!
- A Crise E O Aviso Prévio

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online