PUBLICIDADE

Página Principal : História


SECESSÃO




No meio do século XIX a nação da América do Norte experimentava um forte desenvolvimento, por esses anos, já possuíam cerca de 50.0000 km de linhas férreas e eram os maiores produtores de trigo, arroz, algodão e encontraram grandes poços de petróleo no estado da Pensilvânia.
Foi neste tempo que tiveram uma parada brusca em plena evolução econômica; a guerra de SECESSÃO ( separação dos estados do norte aos do sul)
A escravidão e os interesses econômicos e sociais foram os principais motivos .
Aos estados do Norte , que viviam do trabalho livre e com uma economia firmada no comércio e em sua indústria
Era conveniente uma política de impostos com proteções a favor de suas produções (tarifas altas) e contra a concorrência estrangeira; mas aos estados do Sul, onde a principal fonte de renda estava nas lavouras e onde era usado os braços escravos, não convinham a mesma política comercial, mas sim a do livre comércio, que facilitaria a exportação de algodão e de açúcar.
A escravidão foi causa de discórdia pois o Sul precisava de escravo e a propaganda pela abolição era cada vez mais forte
e Abrahan Lincoln , um partidário da abolição da escravatura , foi eleito presidente. Os estados do Sul, achando por direito começaram a se retirar da União Americana, o primeiro foi a Carolina do Sul, e logo outros ,para então formarem a República dos Estados Confederados, elegeram Jefferson Davis como presidente e por capital escolheram Richmond ,então capital do estado da Virgínia.
O presidente Lincoln não reconheceu o direito de SECESSÃO . E em 1861 teve início a guerra; a luta foi sangrenta , os federais do Norte, comandados pelo general Ulisses Simpson Grant tinham a vantagem no número de soldados, a população era de mais de 20 milhões de pessoas enquanto a do sul era de 10 milhões de habitantes, sendo quase 7 milhões de escravos, o Norte ainda tinha o apoio das indústrias para armas e munições.
Os Confederados tinham no seu comando o General Robert Lee , que no início conseguiu pequenas vitórias mas com graves perdas e que nada adiantaram, pois os Federais bloquearam as saídas de suas produções causando então grandes dificuldades econômicas e só depois de 4 anos de lutas com cerca de 500 mil vítimas, a 9 de abril de 1865 na capital dos Confederados, era assinada a rendição dos estados do Sul pelo General Lee.
A proclamação da escravatura se dera 2 anos antes do fim da guerra, por uma proclamação de Lincoln e logo ao fim da guerra foi abolida a escravidão em todos os Estados Americanos através de uma emenda.
Escreva seu resumo aqui..


Veja mais em: História

Artigos Relacionados


- Eua: Um Século De Ascensão
- Abraham Lincoln, Orador E Estadista
- Estados Unidos ? Cronologia Da História
- Ku Klux Klan
- A Economia Escravista No Brasil
- O Estado Federado
- Nigéria _ Diversidade Étnica

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online