PUBLICIDADE

Página Principal : Economia


Política Monetária do Copom



A taxa de juros SELIC vinha apresentando um decréscimo já há um bom tempo . Qual seria a idéia por trás dessa baixa continuada , mantida pelo Comitê de Política Monetária do Banco Central ? Com juros mais baixos , a população e as empresas , de um modo geral , teriam mais acesso ao crédito . Com isso elevar-se-ia a produção das indústrias, do comércio e do setor serviços da economia . Com isso , a produção industrial , agropecuária , e do setor serviços cresceria , como de fato cresceu. Com todas essas altas na produção , mais empregos ficaram disponíveis , e foram  efetivamente , ocupados por aqueles que estavam  ou encontravam-se   desempregados , ou ainda  obrigados a viver de " bicos " , para poder se sustentar . Isto fez com que sucessivos recordes fossem batidos na produção de automóveis , eletrodomésticos , bens de consumo de todo tipo e de toda ordem . A agropecuária não ficou atrás , e também mostrou crescimento espetacular . O setor de bens de capital, que é aquele que produz máquinas e equipamentos que irão produzir outros bens também cresceu . Enfim , resumidamente, isto chama-se crescimento econômico , algo que o Brasil vinha  perseguindo há anos . Navios de grande porte que iriam ser construídos fora do país , foram trazidos e entregues a estaleiros brasileiros , oferendo empregos diretos para , aproxidamente , vinte e cinco mil pessoas , isto fora os empregos indiretos . É bem verdade que não interessa crescer10 % ao ano , durante algum período de tempo, para depois , terminar atropelados por uma hiperinflação . O ideal e o correto é um crescimento sustentado por vários e vários anos . O que fez a autoridade monetária (BC)em sua última reunião do Copom? Aumentou a taxa de juros em 0,5%. Pode parecer pouco , mas esse aumento pode com o tempo , ser um grande vilão ao desenvolvimento do país , se é que já não o está sendo .A explicação é simples : aumento da taxa de juros Selic ( Sistema Especial de Liquidação e Custódia )que norteia os parâmetros das taxas de juros efetivamente praticadas no país, induz toda a economia a racicionar que , daqui para a frente, os juros serão sempre aumentados ( embora isto possa,na prática, nem corresponder à realidade ) . O fato é que não se pode deixar a política monetária nas mãos de meia dúzia de burocratas , que se julgam os donos da verdade . Tanto é assim que eles não admitem críticas às suas decisões , e isto é extremamente perigoso para todos , e para o país  principalmente . O Estado deve servir ao cidadão , e não o inverso . À partir do momento que alguém , ou um grupo de pessoas , arvora-se ao direito de fazer e acontecer , sem aceitar críticas , as coisas começam a ficar perigosas . É preciso banir todo autoritarismo em matéria de decisões de governo , as quais , afinal, atingem a todos , e tem repercussão nos bolsos , projetos e ações de todos , insdistintamente . Vale lembrar o desastre dos planos bresser, verão e collor . Será que não aprendemos essas lições ?


Veja mais em: Economia

Artigos Relacionados


- Juros Elevado, Apreciação Cambial E Baixo Crescimento
- Juros E Correção Monetária Em Senteças Judiciais
- Juros Na ContramÃo
- Resumo Sobre Politica Monetária - Parte I
- Pib
- Gasto Público: Onde Está O Real Problema?
- Milagre Econômico

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online