PUBLICIDADE

Página Principal : Economia


Mega Memória - Injustiça Social



Mega Memória - Injustiça Social

Na a virada do século os brasileiros continuavam sendo os mais desiguais do mundo e o Banco Mundial admitia o fracasso das políticas econômicas no combate a pobreza e desigualdade. A população que vivia com até 1 dólar por dia passaram para 1,5 bilhão de pessoas. Além de mais pobre, o mundo em plena globalização, ficara mais desigual. A renda per capita nos países pobres estacionava, enquanto crescia nos países ricos. As reformas econômicas no continente, estimuladas pelo FMI e pelo próprio Banco Mundial, acabaram aumentando o desemprego e desigualdades, tornando os países latino-americanos mais vulneráveis. A gastança irrefreada de estados e municípios foi responsável por um enorme desequilíbrio fiscal. No Brasil, 10% dos ricos ficavam com 48% de toda a renda brasileira, um abismo maior que o da Indonésia (30%), onde o governo sucumbira a indignação popular. Houveram avanços nos últimos anos, mais ainda insuficientes. Seriam necessários 20 anos de crescimento econômico significativo para compensar décadas e mais décadas de estagnação social.


Veja mais em: Economia

Artigos Relacionados


- Mega Memória ? Problemas Sócio-econômicos Do Brasil No Final Da Década
- Problemas Da Globalização - Injustiça Social
- Mega Memória - Saúde, Pobreza E Nutrição
- Pobreza E Desigualdade
- Teoria Neomalthusiana
- Teorias Demográficas
- África, Um Continente Doente

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online