PUBLICIDADE

Página Principal : Ciências Politicas


O Capital



Obra composta por três livros, sendo só o primeiro publica ainda em vida. Obra de maior vulto de Karl Marx, tem seu primeiro volume a re-edição e novos elementos ao "Crítica da economia política". O Livro II irá debater sobre os processos de produção do capital e o livro III sobre os processos da produção capitalista. Sendo essas duas últimas com ação decisiva das contribuições de Friedrisch Engels.Tais livros refletem a busca do filósofo e economista Marx em buscar na história, economia, sociologia e antropologia argumentos que visem explicar a nova sociedade nascida depois da superação do sistema feudalista (a sociedade burguesa). Elaborando um conjunto complexo de teorias e conceitos e inferindo a lei econômica do movimento da sociedade moderna, também determina os princípios de funcionamento, as contradições desse sistema e as suas maneiras de exploração dos modos de produção (o capitalismo).

Livro I - Marx faz uma releitura crítica dos economistas clássicos ingleses, essencialmente David Ricardo e Adam Smith. Entaõ, descreve o capitalismo através das suas três relações fundamentais: relação de troca, relação salarial, e relação produtiva; esta última, relação básica e essência organizativa do capitalismo. O Capitalismo é, portanto, um sistema de produção que associa forças produtivas, conjunto de fatores da produção, a relações produtivas, relações sociais desempenhadas pelos indivíduos e pelos grupos no processo de produção e seus meios de controle. Trata-se portanto, para Marx, de uma organização social baseada no sistema de troca, cujos capitalistas, donos dos meios de produção, compram a força de trabalho (mão-de-obra) e organizam e dirigem os processos de produção capitalistas. Demonstra Marx, que é através da exploração dessa mão-de-obra, agregando ao produto final sua força excedente, que o capitalista extrai o lucro, seu crescimento.

Livro II - Desenvolvimentodos capitais autônomos e de sua relação com com a circulação com o capital. Livro III - Análise do processo de conjunto da produção capitalista, esboçando teorias das crises, dos juros, e da renda produzida pela terra. Tais livros ficaram incompletos, sendo editados e completados pelo co-autor Friedrish Engels.

Em resumo possível neste, o Capital descreve a sociedade burguesa e do sistema capitalista, comparado a uma imensa produção incessante de mercadorias; assim se confirma a lei do valor tomada por economistas clássicos (lei que revela a própria essencia do capitalismo: exploração da força de trabalho). Do acúmulo de riqueza, baseada nessa exploração; globalmente, irá criar riqueza para uns e mizéria para tantos. Isso cria o chamado supepovoamento capitalista, um exército de reserva de trabalho (desempregados, mesmo com plenas capacidades produtivas). Trata-se de uma contradição fundamental que só pode se acentuar com o tempo. O trabalhador, conceito de Marx de proletário, é criador da riqueza e ao mesmo tempo relegado à miséria. Diante dos capitalistas, burgueses, donos dos meios de produção, os trabalhadores tendem a se organizar para travar uma luta política a fim de inverter a lógica de poder, passando esse poder aos trabalhadores. Então, baseando-se que cada processo histórico, cada fase de desenvolvimento humano, realiza-se um processo dialético por meio do qual o sistema de produção trázà tona uma classe dominante e, consequentemente, uma classe dominada, que, tomando consciência de sua realidade histórica e tornando-se revolucionária, acaba por conquistar o poder.

Assim, o sistema capitalista traz em si os germes de sua própria destruição (como assim o feudalismo trouxe os capitalistas como germe destrutivo dela). Marx salienta uma teoria das crises, que aparecem sempre que não seja possível escoar todas as mercadorias produzidas. Tais crises são, resultado direto das contradições internas do sistema, são inevitáveis e irão desmantelando e enfraquecendo aos poucos o capitalismo.


Veja mais em: Ciências Politicas

Artigos Relacionados


- Marx - Cooperação - Teses Sobre Feuerbach
- Marx E O Trabalho
- Conceitos De Trabalho
- O Que é Economia Política
- Sociologia Do Trabalho: Exploração Ou Libertação
- Concepção Marxista Sobre O Estado
- O Sistema Capitalista E A IdÉia De Classes Sociais

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online