PUBLICIDADE

Página Principal : Ciências Politicas


NAPOLEÃO e D. JOÃO (Brasil)



Durante suas conquistas, nos anos 1806-1807, Napoleão, então imperador, decretou o BLOQUEIO CONTINENTAL (europa) com a finalidade de arruinar com o comércio marítimo e as indústrias da poderosa inglaterra século XIX.
Porém nem todos os estados Europeus concordadram com o BLOQUEIO ou muito menos queriam obeder a Napoleão. Poruga, antigo aliado da Inglaterra, desobedece; e anta a invasão das tropasde Junot, do poderoso exército Napoleônico, a CORTE portuguesa se transferiu para o BRASIL Por estes tempos, 80 por cento da europa era comandada pelo imperador Napoleão ou por um de seus irmãos que o próprio escolhera.
Alguns meses após a mudança da família real, deu-se em Portugal, a revolta contra os invasores franceses, im exército inglês veio em socorroaos lusitanos e em 1810 os invasores foram completamente derrotados e ainda mais tarde os ingleses os potugueses e os espanhois se uniram para expulsar os soldados de Napoleáo da Espanha.
Mesmo depois da queda de Napoleão, a família real portuguesa permaneceu no Brasil, pois em Portugal havia uma REGÊNCIA na qual quem dominava era o marechal inglês Beresford, em 1817 após uma tentativa de retomada do poder muitos valorosos soldados foram executados entre eles o valoroso generalGOMES FREIRE que lutara contra Napoleão.O gênio militar de Napoleão acabou no dia 5 de maio de 1821, e influenciou até a evolução dos países da América.


Veja mais em: Ciências Politicas

Artigos Relacionados


- O Governo De Luís Bonaparte
- A Longa Viagem Da Biblioteca Dos Reis.
- Nossa Nobreza
- Os Impérios Coloniais Europeus
- Sacro Império Romano
- The Political Economy Of Regionalism
- A Chegada Da FamÍlia Real E A Esculhambação De Nossa História

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online