PUBLICIDADE

Página Principal : Ciências Politicas


Relaçõs Políticas entre Brasil e Arábia Saudita



A relação política entre Arábia Saudita e Brasil é relativamente branda, já que segundo o site do Ministério das Relações Exteriores, existem apenas dois acordos bilaterais entre os dois países, um de cooperação econômica e técnica, e por mais surreal que pareça, outro de cooperação industrial- militar.
O Decreto Nº. 77.737, de 1º de junho de 1976, promulga o acordo de cooperação econômica e técnica entre sauditas e brasileiros. No Artigo III desse tratado estipula-se o seguinte:
As Partes Contratantes promoverão a cooperação econômica e técnica entre os cidadãos (inclusive entidades jurídicas) dos seus dois países de acordo com as leis e regulamentos vigentes, com ênfase no estabelecimento de empreendimentos e companhias conjuntos e/ou mistos em todos os campos, através dos setores públicos e privados dos dois países.
Está claro no Artigo acima, que o mesmo representou para ambos os países, um avanço em suas parcerias pelo mundo, pois se estabeleceu o primeiro acordo entre essas duas ?potências regionais?. O próximo ato bilateral entre brasileiros e sauditas ocorreria somente em 1984, com o Protocolo sobre Cooperação Industrial-Militar, entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo do Reino Unido da Arábia Saudita.
Parte do texto retirada do Protocolo faz a seguinte menção:
Admitindo que a cooperação industrial-militar, além de ensejar o aperfeiçoamento das respectivas Forças Armadas, favorecendo as condições individuais de segurança, servirá ao aprimoramento tecnológico em geral dos dois países e estenderá novos laços de amizade entre os dois povos.
Quanto a este acordo, sua aplicabilidade prática é no mínimo ?questionável?. Entretanto, as intenções de fortalecer os vínculos de amizade entre os dois países são louváveis.
Em 2001, houve a visita da maior delegação saudita ao Brasil, aproximadamente 250 pessoas, chefiada pelo Príncipe Abdullah Bin Abdul Aziz Al Saud, que segundo a embaixada do Reino da Arábia Saudita em Brasília, veio ?a fim de fortalecer os laços de amizade e intensificar o intercâmbio comercial entre os dois países?.
Porém, o fato mais atual de aproximação política entre os Estados em questão, não é de caráter bilateral, mas sim, multilateral, envolvendo outros países de ambos os continentes. O evento referido foi à realização da Cúpula América do Sul ? Países Árabes em maio de 2005, que teve como objetivo primordial a aproximação de dois respeitáveis blocos de países em desenvolvimento.
Conforme o site da Cúpula, esta tem como objetivos:
Primeiro, promover a redescoberta recíproca de duas regiões que têm muitas afinidades históricas e um vasto potencial de realização no campo das relações bilaterais. Olhando para o passado, o ponto de contato entre os dois mundos remonta à presença árabe na Península Ibérica e à conformação das culturas que, mais tarde, seriam transplantadas para a América do Sul.
Segundo, com os olhos postos no futuro, promover a redescoberta de duas regiões que, a despeito da diversidade de suas respectivas situações nacionais, enfrentam desafios semelhantes na luta pelo desenvolvimento e partilham interesses e objetivos comuns. Os países de ambas as regiões propugnam a busca da paz e do desenvolvimento econômico com justiça social, o respeito ao direito internacional e ao multilateralismo, e aspiram a um mundo multipolar e inclusivo, um ambiente internacional mais justo e tolerante, que respeite as diversidades étnicas e culturais.Em suma, as relações políticas entre os brasileiros e sauditas não possuem um histórico muito longo, pois existem apenas dois acordos bilaterais entre os dois países, sendo que um deles parece não ter aplicabilidade prática (Protocolo sobre Cooperação Industrial-Militar), ao menos no presente momento ou em um futuro próximo. Já a Cúpula ASPA representa um esforço entre os países sul-americanos e árabes, para juntos perseguirem metas viáveis de desenvolvimento, assim, pode ser considerada como ponto crucial para desenvolver grandes potencialidades através de uma cooperação intercontinental.


Veja mais em: Ciências Politicas

Artigos Relacionados


- Zonas De Tensão Externa Da Arábia Saudita
- Geopolítica Da Arábia Saudita (formação Política E Territorial) (parte I)
- Onu _ Carta De Princípios
- Fmi ? Fundo Monetário Internacional
- Geopolítica Da Arábia Saudita (formação Política E Territorial) (parte Ii)
- Geopolítica Da Arábia Saudita (introdução)
- Mercosul

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online