PUBLICIDADE

Página Principal : Sociologia


Representações dos Jovens Face à Articulação Ambiente/Desenvolvimento



Objectivo deste trabalho foi o de analisar as representações sociais que os jovens de Felgar (Concelho de Torre de Moncorvo), têm no que diz respeito à articulação entre ambiente e desenvolvimento no processo de desenvolvimento local no contexto da construção da barragem do Baixo Sabor.

A metodologia utilizada para obtenção de dados foi a aplicação de um inquérito por questionário, a 50 inquiridos, num Universo de 243 indivíduos.

A fundamentação teórica assenta no paradigma desenvolvido por Catton e Dunlap que tem como objecto específico da sociologia do ambiente uma nova relação entre o homem e a natureza. Estes autores propõem um novo paradigma denominado (Novo Paradigma Ecológico - NEP) o qual vem substituir aquilo que os mesmos autores designam de paradigma da excepcionalidade humana (human exemptionalism paradigm ? HEP), paradigma este, assente numa abordagem com raiz predominantemente ocidental (Dominant Western Worldview). O NEP por seu turno é um paradigma inovador no entendimento das questões ambientais porque reconhece o Homem como uma espécie entre outras (não obstante o Homem possuir características únicas e distintivas).

No decorrer da investigação, verificou-se que a maioria dos jovens (70,2%) é favorável à construção da barragem. Destes, destacam-se: os inquiridos do sexo masculino, os incluídos nos escalões etários mais baixos, os desempregados, os estudantes e dentro desta categoria essencialmente, os detentores do Ensino Básico.

O motivo que leva os inquiridos a ser a favor da construção da barragem são 3: retenção de água como bem estratégico, promoção de emprego e com maior expressão percentual (78,8%) acredita que a construção da barragem vai promover desenvolvimento na região.

A promoção de desenvolvimento aparece como o principal motivo no cruzamento com todas as variáveis analisadas.

Quanto aos motivos que os inquiridos enunciam como argumento para que a barragem não seja construída, aparecem as causas ambientais com maior número de respostas, seguida da perda de terrenos agrícolas. No que diz respeito às causas ambientais, o maior número de respostas pertence essencialmente: a inquiridos do sexo feminino, estudantes essencialmente do Ensino Secundário e a trabalhadores. Os inquiridos que evocam a perda de terrenos agrícolas como motivo para que a barragem não se construa são na sua maioria indivíduos do sexo masculino, detentores do Ensino Básico e a sua situação de vida é estar a cargo da família.

Tendo em conta que a freguesia de Felgar é uma freguesia rural procurámos saber quais as  funções subjacentes a este espaço a que os jovens atribuem maior importância para o processo de desenvolvimento da região. (Funções Produtivas, Funções de Reserva Ecológica, Funções Simbólicas ou Identitárias).

Os dados analisados permitem concluir que são as actividades que desempenham funções produtivas as que reúnem maior consenso entre os inquiridos em relação à promoção do desenvolvimento, destacando-se entre elas o turismo rural. No que diz respeito à construção da barragem do Baixo Sabor, esta, aparece na 10ª posição num conjunto de doze actividades promotoras de desenvolvimento.

No que diz respeito à fixação/ou não na região, os resultados obtidos permitiram concluir que os inquiridos que exercem uma profissão, na sua maioria, prefere a sua região para viver e trabalhar. Em relação aos que se encontram a estudar, estes, preferem outra região para viver e trabalhar depois de acabar os estudos, destacando-se, nestes, os inseridos na categoria do Ensino Superior.

Em relação à análise de adesão aos novos valores ecológicos, tomámos por referência o contributo teórico de Dunlap e Van Liere utilizando a escala NEP proposta por estes autores e que consiste num conjunto de 15 afirmações através das quais é possível ?medir? o grau de adesão de uma dada população aos novos valores ecológicos.

A comparação entre duas escalas (uma Original e outra Fabricada) permitiu-nos constatar uma mudança nas representações ambientais dos inquiridos.

Devido ao facto de a maioria dos inquiridos ser a favor da construção da Barragem do Baixo Sabor as sua representações face ao ambiente sofreram uma modificação visto o contexto (e as afirmações) também ter modificado. Se num contexto global, isto é, relativamente às afirmações da Escala NEP Original as suas representações eram maioritariamente de moderada adesão aos novos valores ecológicos, no contexto local, ou seja, as afirmações da Escala NEP Fabricada e cujas afirmações incidem sobre a construção da barragem do Baixo Sabor, os valores ecológicos deixam de ser tão expressivos e dão lugar a valores de maior expressão antropocêntrica (isto é, assentes no paradigma social dominante - HEP).

Podemos, assim, sugerir que estaremos perante o efeito ?Nimby? (not in my back yard  - não no meu quintal), mas em sentido contrário. Os inquiridos, a título de que a construção da Barragem se concretize, modificam as suas representações sociais sobre o ambiente. As preocupações ambientais desvanecem-se parecendo dar lugar ao que poderíamos designar por efeito ?Yimby? (Yes in my back Yard ? sim no meu quintal, leia-se, sim à construção da Barragem).

Podemos então concluir que as representações sociais dos inquiridos face à articulação ambiente/desenvolvimento são polémicas. Existem duas perspectivas diferentes de encarar a mesma problemática. Uma, em que o ambiente na sua articulação com o desenvolvimento é visto como uma oportunidade da qual a região pode tirar proveito apostando essencialmente no turismo bem como noutras actividades derivadas. A outra, segundo a qual a defesa do ambiente surge como um obstáculo à construção da barragem do Baixo Sabor, a qual é vista pelos inquiridos como meio de desenvolvimento da região.


Veja mais em: Sociologia

Artigos Relacionados


- Desenvolvimento Psicológico Segundo Vygotsky: Papel Da Educação
- Agenda 21 - Seção I - Dimensões Sociais E Econômicas
- AvaliaÇÃo Dos Programas De EducaÇÃo Ambiental E AlfabetizaÇÃo Em Palmeiras De GoiÁs
- O Jogo E A Exploração Do Espaço Lúdico
- Educação Ambiental: Atividades Multidisciplinares Para Alunos De 1º A 4º Série Do Ensino Fundamental
- Ser De Carlão: O Espaço De Pertença E As Representações Da Identidade
- Desenvolvimento Sustentável E Aquecimento Global

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online