PUBLICIDADE

Página Principal : Sociologia


Emigração - Cresceu o número de brasileiros deportados



  Emigração - Cresceu o número de brasileiros deportados

Um funileiro aos 33 anos enfrentava a decepção de nunca ter conseguido um emprego estável com registro em carteira profissional e morava num barraco de 2 cômodos no município de Serra, ES. Dividindo o diminuto espaço com a mulher e 4 filhos. Tentou emigrar com um empréstimo de 2 milhões residentes em Boston, EUA; pagou U$10.500,00 (21 mil reais) a um agenciador de Valadares MG. Viajou em 30 de setembro de 2000. Três dias depois estava na Cidade do México. Em 18 de outubro, seu corpo foi achado pela polícia americana, seu sonho terminou de forma trágica, morrendo afogado ao tentar atravessar o Rio Grande, na fronteira entre o México e EUA. No mês de agosto já havia sido barrado no aeroporto de Lisboa em Portugal, havendo dado em vão 6.500 dólares a um despachante. O fenômeno é preocupante: nunca tantos brasileiros foram deportados. É cada vez maior o êxodo de brasileiros em busca de melhores condições de vida no exterior. O desemprego crônico e os baixos salários em reais aliaados á perspectiva de acúmulo de poupança no exterior em pouco tempo e com moeda forte são os principais motivos. Um pintor de paredes em Portugal ganha o equivalente a 2 mil reais por mês. O problema é que nem sempre se consegue trabalho lá fora, além dos problemas de adaptação, portanto, embora sair do país pareça ser a única solução para se livrar da injustiça social, é uma aventura cheia de riscos.


Veja mais em: Sociologia

Artigos Relacionados


- Brasil, 509 Anos ? Dobrou De Tamanho
- Ditadura, Imigração E Economia
- Mega Memória Da Economia - A Hora Do Pesadelo 4
- O Êxodo Rural
- A Explosão Da Terceira Idade
- Mega Memória ? Brasil E México Na Década De 1990
- Incoerências Do Sistema Tributário Do Brasil

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online