PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


1984



O Big Brother de Orwell

George Orwell, escritor inglês falecido em 1950, desencantado com o socialismo,especialmente com sua faceta stalinista, causa que abraçara para melhor lutar contra o nazifascismo,dedicou os últimos anos de vida a denunciar o comunismo stalinista. Para tanto publicou dois livros, nos anos de 1945 e 1949, ambos com impressionante projeção, e que fizeram por acirrar ainda mais o feroz debate ideológico entre comunistas e democratas que dividiu o mundo intelectual na época da guerra fria. Um deles intitulava-se Animal Farm (A revolução dos bichos), e o outro simplesmente tinha um número na capa, o Nineteen Eigthy Four ("1984"), no qual apareceu pela primeira vez o onipresente Big Brother, o Grande Irmão.

As intenções gerais de Orwell

Além de ser uma espécie de acerto de contas com o regime comunista, Orwell pretendeu com o livro 1984 tecer certas considerações sobre a experiência socialista até então conhecida. Basicamente ele assegurou que:

-A guerra, movida perpetuamente pelo regime, era importante para consumir os produtos do trabalho humano, pois se tal tipo de trabalho for usado p/ incrementar o padrão de vida, o controle do partido sobre o povo decai, pois a guerra é a base de uma sociedade hierárquica. Logo, a paranóia do regime stalinista tinha uma função clara de mobilizar os recursos nacionais permanente em função da interminável guerra contra o capitalismo, servindo isto de pretexto para a continuidade da ditadura partidária e do domínio absoluto do chefe sobre o todo.

- Havia uma necessidade emocional em acreditar na vitória final do Grande Irmão. Para poder suportar o clima opressivo, as mentes deveriam estar concentradas num perspectiva psicológica otimista.

- A guerra continua tinha a função de garantir a ordem interna do regime. Desta forma Guerra significava Paz.

- Havia sempre três grandes graus na sociedade, o alto, o do meio e o de baixo, e nenhuma mudança afetou um milímetro sequer a desigualdade humana.

- Coletivismo não significa socialismo. Agora a riqueza pertence a uma nova " classe alta" , formada pela burocracia e pelos administradores . O coletivismo assegurou a permanente desigualdade.

- A riqueza não é transmitida de pessoa a pessoa, mas controlada pelo grupo dominante.

- As massas, (os ditos "proles" do livro de Orwell) ganharam liberdade de pensamento porque elas não pensam! O membro do partido não está autorizado a qualquer desvio de pensamento, havendo um treinamento mental para assegurar que isso não ocorra, um treinamento que pode ser sintetizado na concepção do duplo pensar, que faz com que a realidade sempre seja moldada de acordo com a teoria ou com as decisões programáticas do partido.


Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- 1984
- 1984
- Socialismo
- Introdução à História Do Nosso Tempo ? Do Antigo Regime Aos Nossos Dias, P. 330 - 339 (revolução Sov
- A Revolução Traída
- Revolução Cultural
- Centralismo Democrático

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online