PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


A Educação do Ponto de Vista Biológico



Existem muitas razões para educar, mas do ponto de vista biológico a educação faz parte da estratégia de sobrevivência da espécie humana e se relaciona ao tipo de informação que cada espécie necessita para sobreviver. Podemos, então, nesse quesito, dividir os seres vivos em três grandes grupos. O primeiro contém as FORMAS MAIS SIMPLES DE VIDA, como uma bactéria, por exemplo. Nesses seres toda a informação necessária para a sobrevivência está codificada no DNA como, por exemplo, a informação para sintetizar cada enzima, cada molécula de sua estrutura e mesmo as informações que determinam como e quando ela deve reproduzir estão no genoma. Elas mudam de comportamento quando o meio ambiente é alterado, mas, não precisam aprender, pois já nascem com todas as informações de que necessitam. O segundo grupo É BEM REPRESENTADO NOS VERTEBRADOS e o CACHORRO é um bom exemplo. Esses seres vivos também nascem com grande parte da informação de que necessitam em seu DNA, mas a diferença é que nesse DNA está programada a formação de um cérebro sofisticado, um órgão capaz de captar e estocar informação de uma quantidade enorme de fatos que se tornam indispensáveis para sua sobrevivência. Ao fim de sua vida, um cachorro armazenou em seu cérebro uma vasta quantidade de dados que o ajudaram a sobreviver, entretanto, toda esta informação é extinta com a morte do animal, pois a espécie não tem métodos de armazenamento ou transmissão dessas informações para seus descendentes e para os filhotes só são transmitidas as informações contidas nos genomas. No terceiro grupo o exemplo é o HOMEM. Nascem com a informação presente em seu DNA e um cérebro capaz de captar informações. A grande diferença é que o homem é capaz de estocá-la e transmiti-la a outros membros da espécie através do que chamamos de CULTURA e através dela é que o ser humano não tem que readquirir toda a informação através da experiência direta, pois pode recorrer ao enorme depósito de informações que nossa espécie acumulou. O homem biológico de hoje é idêntico a um homem pré-histórico, mas é através da educação que faz cada um de nós progredir em 20 anos o equivalente aos 20 mil anos de cultura da humanidade. Do ponto de vista biológico nossa sobrevivência depende cada vez mais dessa nova forma de acumular informação que surgiu no planeta. Em algum momento do passado o processo evolutivo atrelou nossa sobrevivência à educação. Aceitar essa relação de dependência talvez nos ajude a colocar a educação como prioridade número 1 de nossa espécie.


Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- A Informação Como Mundo. In: Adeus Ao Corpo: Antropologia E Sociedade
- Falta De Informação
- Inerte CÉrebro
- O Desafio Da Tecnologia Na EducaÇÃo
- A Media Education Perspective: Cultures Of Media Practice...
- Os Sete Saberes Necessários à Educação Do Futuro
- Deus Existe?

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online