PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


A complexidade como meio de inclusão



A COMPLEXIDADE COMO MEIO DE INCLUSÃO

RESUMO

A ciência clássica utiliza-se do paradigma da simplificação que tem como objetivo principal evitar o erro e hiperespecializar o pesquisador.
Edgar Morin lança a proposta de re-pensar o conhecimento sem afastar as incertezas a fim de mostrar a insuficiência do saber mutilador.
O pensamento complexo consiste no conhecimento ?conjunto? na interação do ato de aprender com o mundo vivido.
A aprendizagem complexa utiliza-se da curiosidade, dos questionamentos e apresenta traços de uma certa ordem e desordem, confusão e incerteza.
O conhecimento clássico coloca ordem no caos, sendo assim afasta a incerteza e passa a trabalhar somente com a certeza, correndo risco de eliminar o complexus.
O objetivo da complexidade não é a completude que isola elementos e sim a solidariedade que inclui todo tipo de vivência e experiência do mundo humano.

Palavras-chave: complexidade, inclusão, educação, ciência clássica, aprendizagem.


Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- Aline - Os Sete Saberes Necessários à Educação Do Futuro
- Aprender: O Desafio Reconstrutivo
- Os Sete Saberes Necessários à Educação Do Futuro
- Os Sete Saberes Necessários à Educação Do Futuro
- O Caminho é A Inclusão Nas Escolas
- Treinadores De Animais
- A Cabeça Bem-feita

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online