PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


Sobre a Educação religiosa nas escolas



Sobre as aulas de religião nas escolas, o filósofo brasileiro Olavo de Carvalho expressa seu pensamento em breve comentário a seguir:

Educação - Em seu livro, o senhor aponta que a crença em Deus parece excluída dos círculos intelectuais. Como situar a questão das aulas de religião nas escolas?
Carvalho - Todo estudo de religião nas escolas torna-se apenas um discurso sobre as religiões enquanto fenômenos sociais e históricos. Pessoas educadas nessa base acabam automaticamente dando por pressuposto que a moderna ciência social e histórica tem uma perspectiva "superior" à das antigas religiões, uma perspectiva capaz de abrangê-las e explicá-las ? a superioridade, enfim, da consciência real sobre a fantasia subjetiva. Mas essa idéia é que é fantasista, já que a ciência social e histórica das religiões ainda é feita sobre hipóteses e conjecturas e profundamente contaminada de preconceitos ideológicos.
Só para lhe dar um exemplo, a psicologia ascética, que é uma disciplina prática desenvolvida pelas religiões antigas, é um saber rigoroso, fundado em séculos de observação. É ridículo supor que uma cienciazinha improvisada, que se imagina muito séria só por ser materialista, possa abranger e explicar a velha psicologia ascética.


Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- Xamanismo: Uma Realidade Contínua Na Religião E Na Cultura Da Coréia
- A Viagem De Théo
- Educação Humanística E Educação Jornalística
- Sobre Gramsci, Althusser E A Escola
- Beletrismo, Utilitarismo E Educação / Sobre Paulo Freire
- Www.misteriosantigos.com
- Conceito Do Facto Social Total

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online