PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


dislexia



A Dislexia é definida como um distúrbio de aprendizagem na área da leitura, escrita e soletração. Porém, os sintomas que uma criança com dislexia apresenta são idênticos a quaisquer outros transtornos de aprendizagem encontrados em uma criança não dislexa.
Por tanto, o diagnóstico de dislexia deve ser feito por uma equipe multidisciplinar formada por Psicopedagogo, Psicólogo, Fonoaudiólogo e se necessário, Neuropediatra, Oftalmologista e ainda um Otorrino, pois hoje já se sabe que a dislexia é hereditária, com alterações genéticas, apresentando assim uma síndrome do desenvolvimento neurológico.
A criança dislexa apresenta dificuldades de aprendizagem já nos primeiros anos escolares. É um indivíduo que apresentará sempre dificuldades na leitura e na escrita e às vezes, apresentará comorbidades como:
- Movimentos descoordenados = lateralidade, dificuldades para jogar bola, andar de bicicleta, amarrar sapatos, etc.;
- Disgrafia = letra feia, vários erros, escrita espelhada;
- Discalculia= falta da habilidade em lidar com números, símbolos e operações;
- Déficit de atenção = Dificuldade de organização, seguir ordens, entrega de tarefas no prazo; excesso de distração, etc.;
- Disortografia = erros excessivos.
Esses são apenas alguns sintomas que podem ocorrer.
E é bom lembrar de que a criança dislexa tem um nível intelectual na média ou acima dela, jamais abaixo.
A falta de ajuda provoca nas crianças com distúrbios de aprendizagem (não só os dislexos) o temido fracasso escolar e junto com ele vem os estigmas de ?burro? incapaz, preguiçoso. Elas não conseguem, não porque não querem ?nada com nada?, mas sim pela suas dificuldades e isso gera uma baixa auto-estima, às vezes resultando em problemas de comportamento, pois chamam a atenção dos pais e professores pelos aspectos negativos. Por isso é importante ficar atento às observações feitas pela Escola, pois quanto antes a criança for encaminhada para um diagnóstico correto melhor será para ela e também para a família, evitando assim maiores transtornos no futuro.
Embora a cura para a dislexia ainda não exista, é possível, com terapias, minimizar significativamente, ajudando a criança a descobrir caminhos que facilitem a sua aprendizagem, não só escolar, mas para a sua vida.


Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- Ritmo Das Criança X Competência Da Escola
- Dificuldade De Aprendizagem
- Distúrbios De Aprendizagem. Uma Abordagem Psicopedagógica
- Alunos Com Necessidades Educativas Especiais Nas Classes Regulares
- Dificuldades De Aprendizagem
- Http://www.uma.pt/carlosfino /documentos/powerpoint_vygot Sky.pdf
- ?os Conflitos Interpessoais Na Relação Educativa: Problemas A Serem Resolvidos Ou Oportunidades De A

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online