PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


Professores brilhantes, educação fascinante





Professores brilhantes, educação fascinante


A questão das competências e o papel do professor é uma das questões centrais quando se fala em qualidade da educação. Os teóricos da educação são unânimes em considerar que o professor deve ter a competência técnica/conhecimento de sua área e disciplina neste processo para poder dar suporte como especialista/articulador nas discussões das questões levantadas pelos alunos, para apurar mais claramente o nível de conceituação acerca do conteúdo em estudo, a linha de raciocínio e/ou compreensão do aluno. Num belíssimo livro o psiquiatra e educador Augusto Cury teoriza de maneira brilhamente sobre a educação. O livro intitula-se: Pais brilhantes e Professores fascinantes. Neste livro Agusto Cury lança algumas ideias do que ele entende por um professor brilhante.  Segundo Augusto Cury, ninguém se diploma na tarefa de educar, aprende educando. A vida é uma grande escola que pouco ensina aos que não sabem ler a realidade que os cerca. O professor fascinante, segundo Cury, é um artesão da personalidade, um poeta da inteligência, um semeador de idéias. Para ele, professores fascinantes devem formar pensadores que são autores da sua história. Devem multiplicar homens que pensam em nossa realidade. Pessoas que transformam a informação em conhecimento e o conhecimento em experiências. Segundo Augusto Cury, professores fascinantes usam a memória como suporte da arte de pensar, o que contribui para desenvolver nos alunos: o pensar antes de agir, expor e não impor idéias, consciência crítica, a capacidade de debater, de questionar, de trabalhar em equipe. Segundo Cury, a memória humana é um canteiro de informações e experiências para que cada um de nós produza um fantástico mundo das idéias. Os professores fascinantes resolvem os conflitos em sala de aula. Este hábito contribui para desenvolver nos alunos: a capacidade de resolver e superar a ansiedade, resolução de crises inter-pessoais, socialização, resgate de liderança do EU nos focos de tensão. Professores fascinantes, educam para a vida, promovendo a auto-estima. Professores e pais fascinantes devem cumprir com a palavra dada. A confiança é um edifício difícil de ser construído, porém fácil de ser demolido e muito mais difícil ainda de ser reconstruído. Não importa o tamanho de seus obstáculos, mas o tamanho da sua motivação para superá-los. Augusto Cury encerra o livro com um texto convidativo a uma reflexão sobre a educação.


Para refletir:


?Se metade do orçamento dos gastos militares e guerras no mundo fosse investido em educação, os generais poderiam ser transformados em jardineiros, os policiais em poetas e os psiquiatras em músicos. A violência, a fome, o medo, o terrorismo, o os problemas emocionais estariam somente nas páginas dos dicionários e não nas paginas de nossas vidas!?.




Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- Pais Brilhantes & Professores Fascinantes - Parte Ii
- A Afetividade Na Escola
- Se Você Finge Que Ensina, Eu Finjo Que Aprendo
- A Educação E O Respeito à Diversidade Para Com Os Professores, Alunos
- Pesquisa Em Educação Matemática: Concepções E Perspectivas (cap.12)
- Pais Brilhantes & Professores Fascinantes - Parte Iii
- Educação Para A Vida

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online