PUBLICIDADE

Página Principal : Educação


Simbolismo



Simbolismo: 1893-1902

 Os simbolistas procuram expressar de maneira subjetiva o mundo do inconsciente, do vago, do nebuloso, da ilusão, do caos, do ilógico e do mistério.

 Os mistérios da vida, da morte, da religião, a existência de Deus, o misticismo, a solidão, o oculto e o sobrenatural eram os temas mais freqüentes.

 Os simbolistas se preocupavam mais com a escolha e beleza das palavras do que com o conteúdo das idéias. A linguagem usada era colorida, poética, exótica, com ritmo. Realçavam palavras com inicial maiúscula. Aparecem com freqüência vocábulos sonoros, onomatopéias e aliterações, dando os simbolistas grande valor musical às palavras. Palavras polivalentes, ambíguas e de duplo-sentido eram bastante utilizadas. Assim como a linguagem indireta, referindo-se o poeta a um objeto sem dizer seu nome.

 Trazido da França, onde o poeta Baudelaire publicou ´´Flores do Mal`` em 1857, o Simbolismo iniciou-se em Portugal com a publicação de ´´Oaristos`` em 1890 de Eugenio de castro.

 No Brasil, a publicação de ´´Missal e Broqueis`` em 1893, de Cruz e Souza foi o marco inicial do Simbolismo.


Veja mais em: Educação

Artigos Relacionados


- Arcadismo
- Texto Artístico/linguagem Poética
- O Que É Decadentismo?
- 'o GÊnero LÍrico' - EstÉtica E CriaÇÃo Verbal
- O Realismo No Brasil
- CaracterÍsticas Do Barroco
- Jorge Amado _ O Amante Da Expressão Popular

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online