PUBLICIDADE

Página Principal : Artes


As artes cênicas para o desenvolvimento infantil





E por falar em iniciativas, é bom informar sobre uma, que atualmente tem passado  entre  poucos  que existe na performance como o "la casa incierta" um gênero que nasceu na França há vinte anos que vem se espalhando por varios países como, Rússia, e agora no Brasil, eles ultilizam espetáculos teatrais desenvolvidos para bebês, que estimula a perceptividade e, ao aprendizado. Voltado para crianças de zero a cinco anos. Com grande público de expectadores pela França, Espanha, Bélgica, Itália e Alemanha. Por que destacar iniciativas por coisas vinculadas a público infantil? Porque, exemplos são importantes para melhor incentivar a todos que procuram entender o mundo em total desenvolvimento, e saber trabalhar as preferências, criar interesse no tipo de perfil à desenvolver. Veremos mais... A fábulas são boas só no seu conteúdo divertido, inusitante de ícones que estimula a mente aprendendo sobre o universo ao redor, mais não é totalmente eficiente. Porque elas não passam o que não é útil em descernimento da realidade, e processa tudo de uma forma polarizada, ou de uma maneira só, como tudo bem ou tudo mal. Nessa iniciativa dos grupos Europeus citados nesta analise, os atores ri, canta e dança, representa pequena vivências fundamentais recente dos bebês, pra saber como reagem, se sentem com respeito aos adultos, e sobre o mundo dos mesmo, e na experiencia, conclui que os bebês são fortes, estão pertos da dor. Em suas emoções, como expectadores, os bebês mostram ser muito resistentes, e desenvolve suas emoções. A descoberta  do corpo, o domínio dos movimentos, o medo, enfim, as diversas maneiras de entender reproduzidas em historias cênicas. Porque, a identificação e a interação com o público é extremamente salutar. Alem disso, é um trabalho de investigação para estimulações do desenvolvimento, para os bebês. Alguns neurocientistas explicam: "o cérebro de um bebê de até três anos, passam por todas as etapas do desenvolvimento da humanidade, o momento de ser bípedes, a formulação da linguagem etc..." Nessa aproximação diz um membro de um grupo de artes cênicas, "Madri linhos," da Espanha, "é essencial para o ser humano, porque é o essencial do ser humano." Na Espanha como na França, as pessoas se preocupam e desejam que seus filhos se abrem muito cedo absolutamrnte para tudo, especialmente para as artes. Alem disso o Ministério da Cultura destes países passou a incentivar estas obras. Na análise o que interessa é a arte em primeiro lugar, independente que seja para crianças ou adultos. E também por lá, olham a qualidade artística em seu ímpeto educacional com importância. A presidente da associação brasileira de psicopedagogia, Maria Irene Maluf, aponta elogios a essas iniciativas. "Até os três anos, a criança se sensibiliza aos sons, e já aos oito meses ela desenvolve a atenção, a coordenação motora, enfim varias habilidades. E com estes espetáculos estimula um desenvolvimento bem sucedido." Para a psicopedagoga, que aconselha a prática de músicas para seu pequenos pacientes com dislexia ou dificuldade em matemática, fala que, " qualquer experiência que seja boa para criança, pode mudar a maneira dela ver o mundo mais futuramente," mais enfatiza: "não se trata de fazer os filhos ficar mais inteligentes e nem estimular a isto." Portanto é bom saber desenvolver um bom aprendizado pra crianças, principalmente bebês, para que possa haver um bom avanço no processo do desenvolvimento.                  





Veja mais em: Artes

Artigos Relacionados


- As Expressões E Actividade Criadora
- Literatura Infantil
- Ler
- Páginas Para Pensar
- Brincadeiras Não Têm Sexo
- Bacen AutÔnomo Ou Independente
- Dinâmicas Para Momentos De Encontros

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online