PUBLICIDADE

Página Principal : Artes


A moda é a visão mais conservadora do luxo



A moda, pode ser apontada como a área que provoca mais consumo no setor luxuoso, e quem mais consome moda é a classe média. Segundo o filósofo francês Gilles Lipovetsky, mais do que adquirir bens concretos para exibí-los, o luxo está muito mais hoje ligado à conquista de emoções, de sensações prazerosas.

descobriu-se que cerca de 70% do que se compra vêm de produtos de moda. Entre os consumidores, 58% são mulheres, 66% não têm filhos, 40% têm idade entre 26 a 35 anos. Uma fatia considerável de 42% das pessoas gasta em média R$1 mil a cada compra. Isso, considerando que 29% realiza semanalmente este tipo de compra, somando mais 16% que desembolsam a mesma média quinzenalmente.

Entre as grifes com mais status de luxo, a Louis Vuitton aparece em primeiro lugar (27% das menções), seguida de Armani (9%) e Dior (8%). A Louis Vuitton também aparece na liderança da marca mais tradicional. Já no quesito "desejo de compra", as que despertam esta vontade são Chanel e Gucci.



Veja mais em: Artes

Artigos Relacionados


- Imprensa De Moda
- A Moda é Como O Cinema: Não é Nada
- Homem Classe A
- Brasil _ Ame-o Ou Deixe-o
- Fab Diz Que Caça Sueco é Melhor Do Que O Francês
- A Colorida História Da Calcinha
- Análise Do Uso De Músicas Conhecidas

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online