PUBLICIDADE

Página Principal : Cinema e Teatro


Diamante de Sangue



Diamante de SangueLeonardo DiCaprio - Jennifer Connelly - Djimon HounsouEstou em frente ao cinema. Vejo que o filme Diamante de Sangue está atraindo a atenção de muitos. A fila está grande, porém esse fato é normal aqui em Brasília. A cidade adora cinema. Mas dessa vez muitos ficarão surpresos com o que irão ver. Há nessa fila pessoas de todos os padrões. Não tenho certeza de que estejam preparados. Já o assisti e sei bem o que está por vir. Desde as primeiras cenas, a carnificina é geral. Cruel, sangrenta, sem disfarce, mas sem nenhum exagero ou irrealidade. A realidade está ali e uma rápida olhada nos telejornais nos prova isso. É um mundo exibido sem medo e sem limite, como poucas vezes eu vi. Dessa vez nada é inventado, mostrado para chocar ou criar tensão. É o mundo no qual vivemos e pronto.Quantas guerras localizadas existem na vida dos 6 bilhões de habitantes desse mundo, no qual, menos de 1 bilhão dominam tudo? Pode-se até tentar, mas não dá pra ignorar...E o que se vê na tela é a luta pelo Poder, uns que já estãonesse Poder querendo continuar, e os que se dizem rebeldes, mas quepretendem o Poder para fazer a mesma coisa, tem sido sempre assim, a vingança é maior que os homens. Com as mesmas cores, a mesma violência, o mesmo desinteresse pelo povo.O filme é violento, ou melhor, violentíssimo. Não gosto de filmes gratuitamente violentos. Mas não é esse o caso. Ele se passa na guerra civil de Serra Leoa, com instantes na Rodésia,Guiné, Silésia, Angola. Alguns momentos me lembraram o filme Tears ofthe Sun - Lágrimas do Sol. Mas Diamante de Sangue vai mais além, bem além. Tem como ser carinhoso, doce ou contemplativo, numa existência em que centenas de milhões de pessoas perdem a vida por causa de riquezas que jamais serão deles? Qualquer que seja essa riqueza e a onde quer que esteja, ouro, marfim, borracha,comunicação, petróleo e, no caso do filme, diamante, ele jamais pertencerá ao povo. Este será apenas coadjuvante, morto, ou, se continuar vivo, pobre,massacrado, desassistido, sem casa, sem família, sem amigos, sem futuro, sem vida, embora aparentemente acreditando que estão vivendo.A surpresa que me referi no início tem uma razão: o diretor (EdwardZwick - Lendas da Paixão e O último Samurai) não poupa nada nemninguém. Não será surpresa se não tiver indicações ao Oscar, pois ainsensibilidade de Hollywood está presente em todos os 137 minutosdessa exibição ímpar. Mas estarei torcendo pelo filme.Na história, todos são vilões. Ninguém sai vitorioso na reflexão obrigatória a respeito doque é mostrado. Esse diamante cor-de-rosa ("o maior do mundo e o mais desejado pelos magnatas de Londres") exibe o pior dos participantes dessa guerra, que não se trava apenas nos "países produtores". Atravessacentenas de milhares de quilômetros e vai explodir nas grandes capitaisque sedizem "civilizadas". A disputa pelo diamante me lembrou algumas cenasde um livro chamado O Reverso da Medalha, mas aqui mais uma vez Diamante de Sangue vai além. O filme não nos permite ficar sem refletir. Só que a condenação deveria atingir a todos: a guerra, os senhores do mundo, os que aprisionam o Poder ou querem conquistá-lo. O único a ser absolvido morre antes de qualquer julgamento, é o próprio povo. Impossível não fazer referência à nossa política, mas dessa vez não vou explicitar. O final é um achado de criação, fiquei imaginando como o diretor encerraria tudo. Normalmente falham exatamente na hora de concluir a história. A forma que ele encontrou é sensível. Ao terminar temos a certeza de que se trata de um filme que ao nos dar um tapa na cara, nos mostra que a primeira coisa a se fazer para mudar o estado das coisas é ter noção da realidade.


Veja mais em: Cinema e Teatro

Artigos Relacionados


- Diamantes De Sangue
- Perdeu-se Na Tradução
- Sorte Nula: O Filme De Portugal
- Um Por Dois, Ou Dois Por Um?
- Mas Que %$$# é Essa?
- Sweeney Todd
- Matrix

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online