PUBLICIDADE

Página Principal : Cinema e Teatro


Gladiador



Estreado em 2000, este é possivelmente um dos maiores épicos do género, independentemente do facto de que muitas das suas ideias básicas foram retiradas do filme de 1960 de Stanley Kubrick, Spartacus. Este filme é essencialmente um drama com cenas de batalhas atordoadoras e um vilão genuíno que esperas que encontre rapidamente a morte.
Protagonizado por Russel Crowe no papel de Maximus Decimus Meridius, um general romano que após uma grande batalha decide retirar-se e voltar para casa e para a sua família, mas, quando Marcus Aurelius decide largar o cargo de imperador este pede a Maximus para tomar conta do cargo e é aí que os problemas começam. O filho de Marcus, Commudus interpretado por Joaquin Phoenix não concorda com a ideia e, basicamente, usa de tácticas sujas para se apoderar do cargo de imperador, chegando mesmo a assassinar o próprio pai e Maximus acaba por ser perseguido e é transformado num escravo, para mais tarde receber treino como gladiador e acabando por conquistar o Coliseu de Roma com a sua bravura.
O filme lida com a luta de poder entre o senado e o governo e o enredo é muito forte, as actuações são clínicas e os efeitos visuais são poderosos e com uma música muito empolgante que desperta facilmente as emoções de quem a ouve. As cenas de lutas são gloriosas e sangrentas e nunca graciosas dando-nos a sensação da realidade e devido a isso o divertimento é mais acentuado.
Este filme resistirá ao teste do tempo como muitos grandes épicos anteriores e, se ainda não o viste então ainda não vislumbras-te a perfeição cinematográfica.


Veja mais em: Cinema e Teatro

Artigos Relacionados


- Imperador CÓmodo
- Heliogábalo
- Ai - Inteligência Artificial
- Jogos Mortais 3 - Saw 3
- E Tudo O Vento Levou
- Click
- Imperador Tito

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online