PUBLICIDADE

Página Principal : Cinema e Teatro


A Rainha



Helen Mirren reina suprema em ?A Rainha?, um olhar engenhoso e sagaz ao momento que abanou a casa de Windsor: a semana a seguir à súbita morte da Princesa Diana em 1997. A morte de Diana veio ao mesmo tempo que o Primeiro-Ministro Tony Blair (interpretado pelo brilhante Michael Sheen) se estava a instalar no seu novo governo ? e a tentar adaptar-se às relações delicadas entre o nº 10 de Downing Street e a Rainha Elizabeth II. Uma larga fatia da população britânica estava a tentar compreender os Windsor nessa semana, uma vez que Elizabeth ficou fria e anestesiada pela morte da princesa amada. Neste enredo habilmente escrito, vemos Blair a ficar impaciente com a realeza, que se encontram sequestrados na sua propriedade na Escócia enquanto que o público exige algumas demonstrações de pesar. O Príncipe Philip, de forma trapalhona, decide levar os filhos de Diana a caçar, enquanto que o Príncipe Charles mostra alguma frustração com a calma da sua mãe.
Nada disto consegue transmitir o quão engraçado é o filme, ou como fluiu de uma cena para a seguinte. O director Stephen Frears merece grande parte do crédito por isso, e pelos desempenhos e pelo maravilho sentido de redundância do filme; podes ver este filme e gemer pela falta de sentimentalismos da família real, ou podes simpatizar com a sua reserva num mundo que valoriza a demonstração pública de emoções.


Veja mais em: Cinema e Teatro

Artigos Relacionados


- Helena De Troia
- Gladiador
- O Horror Em Amityville
- O Lago Dos Cisnes
- Encontro Marcado (meet Joe Black)
- Roland Emmerich Detalha Seu Filme Sobre Shakespeare
- Bíblia - Moisés

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online