PUBLICIDADE

Página Principal : Cinema e Teatro


"Ser e Ter



SER E TER. Filme documentário Lançado em 2002 País: França Filme de Nicolas Philibert Autoria: Lidadri.. Este documentário foi filmado em uma escola no interior de uma cidade da França. Contando a estória de um professor que leciona em uma mesma sala de aula , no mesmo período letivo para treze alunos com idades diferentes, cursando desde o jardim da infância até a quarta série do ensino fundamental I. Ele os conhece profundamente. Lida com suas individualidades, respeitando sempre o ser humano que ali está incluso. A rotina deste professor e de seus treze alunos é vista de maneira autêntica, mesmo quando com uma sutil rigidez e muita habilidade intervem em problemas de alunos que se encontram na fase da pré-adolescência.Valoriza as suas relações pessoais, como exemplo: família, amizade,senso de justiça e lealdade, mostra-lhes que o respeito pelas diferenças é o segredo da comunicação e sendo assim consegue a harmonia entre alunos que no momento convivem no mesmo espaço,devido as aulas que lhes são ministradas. Este professor em sua didática mostra aos seus alunos que o mais importante é SER do que TER. Após o seu lançamento, aqui no Brasil, inicia-se cobranças e comparações entre o bom desempenho do professor em questão e o desempenho de nossos professores. Que logo se colocam como resposáveis pelo ensino dos estudantes brasieliros. Vão logo dizendo: - algo há que ser feito em benfício do ensino brasileiro! Olha! Vamos pensar um pouco. Para começar vamos nos lembrar de que a França está culturalmente séculos a nossa frente: os pais ou responsáveis pelos alunos franceses trabalham lado a lado com os professores de seus filhos, valoriza e respeita seus saberes; por sua vez os professores na França, possuem bases sólidas onde com segurança e sem medos aplicam suas didáticas, recebem justos salários que os fazem avançar com seus alunos sempre de maneira saudável, não se preocupando com barreiras sociais, políticas ou financeiras. Vamos ver agora a situação de nossos professores. Vamos lá! Não é porque a França esta culturalmente séculos a nossa frente, que seus professores são melhores do que os nossos. Não! Não é isso! O fato é que nossa realidade é outra e nossos professores trabalham com as ferramentas que lhes são fornecidas; poucos são os pais ou responsáveis brasileiros que possuem o verdadeiro conhecimento da importância que a escola,( como instituição de ensino), têm realmente na vida de seus filhos; e as bases de nossos professores, quais são? Insegurança, e nenhum apóio social, político ou financeiro; a indisciplina da maioria dos alunos em aula, mostra a falta de respeito para com o nossos docentes que ministram suas aulas pressionados pelo medo. Esta é minha opinião, devido ao que vejo nas reportagens quase que diárias sobre esse assunto nos jornais, rádios e canais de televisão. Claro! Temos ótimos alunos, alunos que merecem todo nosso respeito e consideração e é por eles que realmente temos que lutar, pois eles são a esperança de um bom futuro para o nosso País. Na verdade, o que precisa parar é esta bendita mania de ficarmos nos comparando com o estilo de educação estrangeira. Nossos professores são ótimos e os melhores para trabalhar dentro da nossa realidade. Traga um professor estrangeiro para o Brasil e peça a ele para ministrar aulas para nossos alunos, trabalhando com a nossa realidade, usando as nossas ferramentas e recebendo nossos salários. Vamos ver o que acontece!


Veja mais em: Cinema e Teatro

Artigos Relacionados


- Escola Da Vida (school Of Life)
- EducaÇÃo: Uma Das Poucas Saídas Da Pobreza
- Um Retrato Da Sala De Aula
- De Pais E Professores
- Se Você Finge Que Ensina, Eu Finjo Que Aprendo
- A Importância Do Enfoque Histórico Cultural Na Elaboração De Aulas De Ciências
- A Afetividade Na Escola

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online