PUBLICIDADE

Página Principal : Cinema e Teatro


Os Fantoches e a Literatura



Os fantoches, como de resto, todo o Teatro de Bonecos não recorrem sòmente ao improviso, mas também aproveitam grandes obras literárias.  Nas peças de Rabelais, considerados um dos expoentes máximos do Humanismo na Europa, têm-se inspirado diversos autores de textos para este género teatral.  Nos últimos anos, muitas companhias francesas representaram passagens daquelas peças.  Rabelais imprimiu em cada passagem da sua obra uma crítica pertinente, especialmente através da personagem de Pantagruel, crítica que se adapta perfeitamente aos objectivos do Teatro de Bonecos.

Mas além de Rabelais, os responsáveis pelas companhias de Teatro de Bonecos estão actualmente a recorrer a Cervantes, Marivaux e muitos outros escritores, conseguindo êxitos assinaláveis.

Histórias ricas de ensinamentos e situações sociais, são, assim, transpostas para a actualidade.  É esta uma das grandes funções do Teatro de Bonecos.

Há que recuperar o Teatro de Bonecos, mas há também que não esquecer as grandes obras literárias que aquele género teatral, pelo seu poder animador, pode difundir, contribuindo para o enriquecimento cultural dos povos.


Veja mais em: Cinema e Teatro

Artigos Relacionados


- Os Fantoches Na Vida Boémia
- As Mil E Umas Funções Dos Fantoches
- Biografia De Riba Tavares
- O Cenário No Teatro De Fantoches
- Teatro Virtual
- Http://www.teatrodelpueblo.o Rg.ar/teatro_abierto/index.h Tm
- Crítica Teatral: "inês-gil Vicente Por Ele Mesmo" Da Cia Dos Ícones

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online