PUBLICIDADE

Página Principal : Teoria e Crítica


Cidade Digital - Infoinclusão Social e Tecnologia em Rede



A tecnologia é resultado da observação sobre as necessidades coletivas, traduzidas pelo conjunto de ferramentas desenvolvidas e inventadas com fins práticos para solucionar um determinado problema de ordem social. Este conjunto ferramental é difundido culturalmente pelo conhecimento elaborado e sistematizado, modificando e introduzindo novas percepções sobre a realidade concreta. Assim, a tecnologia se faz presente na vida do ser humano de forma cada vez mais intensa e fugaz. A tecnologia ao mesmo tempo em que passa a ser responsável pela melhoria dos bens e serviços consumidos pela sociedade, também interfere histórica, social, econômica e culturalmente no processo de desenvolvimento local, provocando mudanças radicais no modo de agir, sentir e pensar da humanidade. Na Sociedade de Informações não é diferente. Foi assim com a imprensa de Gutenberg que massificou o conhecimento impresso permitindo o acesso a quem tivesse interesse; também aconteceu com o telefone, o telégrafo, a televisão, o rádio, o satélite, o computador, a Internet e todas as outras tele-tecnologias que tornaram possível a maior distribuição no tempo e espaço das informações, globalizando tendências, conceitos, experiências e culturas locais. O computador, entre todas as novas tecnologias da era da informação, possibilitou o desdobramento de um mundo virtual, simbólico, metafórico e recortado por signos digitais que interferem diretamente no funcionamento da vida das pessoas e de toda uma geração futura. O uso disseminado do computador, o acesso às informações, a universalização dos meios de comunicações e telecomunicações, conjugados com a expansão da Internet no mundo possibilitam o surgimento da Sociedade em Rede, responsável pela difusão social do conhecimento em larga escala de transmissão, a partir de sistemas tecnológicos interconectados e inteligentes, com acesso público para o cidadão, em diferentes pontos de conectividade e interatividade, nos espaços de grande fluxo e de fácil locomoção em ambientes urbanos e rurais. A cidade na era da informação se torna o grande palco da história humana e da sociedade em rede. Os protagonistas sociais se encontram localmente para reclamarem seus direitos e fazerem ouvir democraticamente suas vozes e projetos políticos. Com a sociedade em rede é preciso que estejamos atentos para o movimento da realidade concreta e a virtual. Quando transitamos pela cidade física percebemos que esta é recortada de vias, pontos de acesso, locais para encontros, áreas verdes, de lazer, entretenimento, zonas comerciais, zonas residenciais, zonas mistas, setores industriais, prédios públicos, equipamentos de serviços para atender o cidadão, hierarquias, controle, planejamento e gestão. Existe uma estrutura social embasada pela formação e administração de redes de serviços, bens, conhecimentos e informações diversas que precisam estar disponíveis para acesso e compartilhamento. Esta dinâmica social da rede possibilita que o cidadão circule e viva na cidade. Com as novas tecnologias de informação e comunicações a rede social é otimizada sensivelmente, se transformando em rede de cidadania digital, disponibilizando serviços e ações de interesse público na cidade. A consolidação progressiva da rede de cidadania digital é sobreposta à rede social da cidade física e aos poucos vai criando um sistema com múltiplas entradas e saídas, permitindo que haja uma infovia compartilhada de oportunidades e benefícios típicos de uma sociedade da informação interconectada em rede ou o que denominamos de Cidade Digital. A promoção da cultura digital e a valorização da identidade local são dois aspectos a serem considerados no desenvolvimento da sociedade em rede e da gestão das tecnologias sociais na Cidade Digital em suas múltiplas dimensões. Outro aspecto é a cidadania digital, enquanto a concreta relação entre os desejos e necessidades individuais e o acesso aos potenciais e oportunidades tecnológicas desenvolvidas na Sociedade da Informação, com vistas à melhoria da condição de vida e o fortalecimento da pertença social, tanto no espaço real, como no virtual. Desta forma, a cidade física, em seu formato original, partindo da urbe, evoluiu até a metrópole moderna que se constituiu em complexa rede de ações humanas em suas múltiplas necessidades de existência e sobrevivência. No estudo apresentado a história é abordada que originou a cidade em seus primórdios até a emergência da Cidade Digital traduzida pela robustez do ciberespaço conhecido pela sua capacidade de interligar pessoas em sistemas de comunicação e informações tecnologicamente avançados. Como bem define o autor na conclusão do referido trabalho, "o ciberespaço coloca o indivíduo no vácuo formado entre a realidade concreta e a realidade virtual. Ele é a síntese destas realidades e não uma ou outra. A rede é a replicação do ciberespaço em múltiplas direções, propósitos, princípios, valores, dimensões conhecidas e sendo descobertas. O ciberespaço é essa particularidade espectral e pouco definida fisicamente, mesmo sendo o universo alfanumérico que conhecemos na atualidade. A Rede é uma tendência concreta que aponta para o futuro". A necessidade de acompanhar tais inovações vêm sendo absorvida como mais um fenômeno que pode contribuir com o agravamento das desigualdades sociais, reforçando o tecnopólio e a dependência tecnológica, a partir do estudo sobre o impacto social causado pela atual sociedade de informações nas cidades modernas, o autor discorre, com olhar tão humanista como técnico, sobre o desenvolvimento da cidade digital, uma projeção futurista que, na verdade, já é fato em muitas localidades.


Veja mais em: Teoria e Crítica

Artigos Relacionados


- O Estado E A Sociedade Como Fatores Imprescindíveis Para A Inclusão Digital Brasileira
- A Mobilidade Das Multidões: Comunicação Sem Fio, Smart Mobs E Resistência Nas Ci.
- O Conceito De Cidadania
- Cibercultura. Alguns Pontos Para Compreender A Nossa época
- Mídias Locativas E Territórios Informacionais
- A Sociedade Em Redes
- A Educação Brasileira E A Inclusão Digital

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online