PUBLICIDADE

Página Principal : Teoria e Crítica


Discriminação Racial




Discriminação Racial


Um livro lançado há alguns anos nos EUA sob o título de ?the bell curve?, afirmou baseado em testes que negros tem QI mais baixo que brancos e com isso a maioria vive em condições precárias, com baixa escolaridade, violência e pobreza. O presidente Clinton rejeitou a idéia de que cidadãos americanos não tenham igual capacidade devido a sua raça, indo contra a história e tradições. O livro partiu do princípio de que a inteligência é hereditária e que a sociedade americana está dividida em uma elite culta e criadora de riquezas e uma massa de baixo QI que se reproduz mais rapidamente e que está destinada ao fracasso escolar, ignorância, pobreza e crime, ameaçando a minoria seleta, segundo os autores. Murray (já falecido) e Herstein insistiram que os resultados dos testes demonstraram que o QI dos negros é em média 15 pontos mais baixo que o dos brancos. As condições de pobreza, sub alimentação, mau ensino e péssimo ambiente social em que crescem as crianças negras não seriam explicação suficientes para o fenômeno. Eles citaram estudos que negros adotados por famílias brancas que mantiveram o desnivelamento.


O livro gerou muita discórdia e até revolta, como veremos mais adiante. 

Fonte: Veja




Veja mais em: Teoria e Crítica

Artigos Relacionados


- Quem é Negro, Quem é Branco
- Aplicação Dano Moral Decorrente DiscriminaÇÃo No Ambiente De Trabalho
- O Século Inacabado _ A América Desde 1900
- Contra O Mito Da Nação Bicolor
- Contra O Mito Da "nação Bicolor"
- Preconceito Racial
- O Preconceito Contra Os Negros No Brasil:ficÇÃo Ou Realidade

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online