PUBLICIDADE

Página Principal : Teoria e Crítica


Comunicação na Estrada



Profissionais de estrada como motoristas de ônibus e caminhão, acostumados com situações de risco, criaram códigos de auxilio mútuo, que podem ser de grande valia para motoristas amadores.

 Quando for ultrapassar dê três piscadas com o farol alto, tanto de noite quanto de dia. O motorista que vai à sua frente tem uma visão geral da pista e cumprindo o código das estradas vai sinalizar se a passagem está livre ou se vem algum veiculo em sentido contrario. Ligar a seta para a esquerda antes de começar uma ultrapassagem avisa quem vem atrás apara que não comece também uma ultrapassagem no mesmo momento.

 Em uma pista de mão dupla, se o veiculo da frente começar a dar pisca-pisca para a esquerda, significa que há veículos vindo em sentido oposto não havendo condições segura para a ultrapassagem. Se sinalizar com pisca-pisca para a direita, significa que a pista contraria está momentaneamente segura, havendo condições para a ultrapassagem.

 Motoristas prestativos que trafegam em sentido oposto também podem colaborar com varias informações. As mais freqüentes indicam obstáculos inesperados na pista, como acidentes, animais, queda de barreira ou trabalhadores fazendo reparos ou limpeza na pista.

 Se o veiculo que vem no sentido contrario piscar os faróis numa freqüência, é sinal de alguma coisa anormal na pista que ele acabou de passar, esta lhe avisando para diminuir a velocidade e evitar algum acontecimento desagradável.

 Piscar faróis com insistência com movimentos cadenciados de braço para cima e para baixo, pisca-alerta ligado, dar toques nos freios algumas vezes seguidas é sempre um sinal para diminuir a velocidade ou até parar; indica problemas como colisões, queda de barreiras, pista impedida ou até acidentes.  

 Piscar faróis duas vezes seguidas _durante o dia _, ou ligar e desligar todas as luzes rapidamente por duas vezes _ a noite _, comunica a existência de policia rodoviária adiante.

 Buzinar duas vezes rapidamente : Sinal de agradecimento.

 Braço estendido para fora da janela e mão espalmada, pare ou diminua bruscamente a velocidade.

 Piscar faróis, buzinar insistentemente e acionar o pisca-alerta : situação de grande emergência _ perda de freios ou pessoas passando mal no carro por exemplo.

 E ao passar por outro veiculo não se esqueça de dar os dois toques na buzina para agradecer a passagem, seja automóvel ou caminhão.

ninamar

[email protected]


Veja mais em: Teoria e Crítica

Artigos Relacionados


- Uma Questão De Atitude
- Quem é O Culpado? (parte 1 - Situação)
- Será Que A Neurose Do Trânsito Já Te ?pegou??!
- O Caminhoneiro
- Chuva E Aquaplanagem
- Cuide Bem Do Veículo Que Ele Cuidará Bem De Você
- O Sentido Da Visão

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online