PUBLICIDADE

Página Principal : Teoria e Crítica


O Sentido da Visão



Na edição anterior comentamos sobre o processo de comunicação do corpo humano com o ambiente externo e da importância dos sentidos enquanto ?ferramentas? que nos permite conhecer o mundo. O sentido da Visão é responsável por 80% das informações que recebemos do ambiente externo.

No momento em que você lê este artigo, provavelmente consegue enxergar algumas coisas que estão à esquerda, à direita, em cima e em baixo da revista.

Esta área que pode ser visualizada ao redor da revista é chamada de Campo Visual. Embora sua visão esteja focada na palavra que está lendo, qualquer movimento relevante dentro deste campo visual faz com que você automaticamente desvie sua atenção para o novo foco. Esta capacidade de enxergar objetos fora do foco principal é chamada de Visão Periférica, que surgiu durante o nosso processo natural de evolução como uma forma de defesa contra ataques repentinos de predadores. Graças a ela é que você na condição de motorista, enxerga e desvia de buracos (haja visão periférica!!) e objetos, percebe uma situação de risco e desvia a tempo de evitar o atropelamento de uma pessoa que desce da calçada, reduz a velocidade e desvia de ciclistas próximos ao meio-fio, percebe faróis e movimentos através dos espelhos retrovisores mesmo que não olhando diretamente para eles. Certamente a visão periférica é a grande responsável por você ter saído ileso de uma série de situações de risco. Qual a última vez que ela te salvou?!

Quanto maior a velocidade, menor a visão periférica ou angulação do campo visual. Por exemplo: Um motorista com o veículo parado tem uma visão periférica (VP) de 180º, à 65 km/h a VP é de 72º, à 100 km/h a VP é de 36º. Não é difícil imaginar porque ocorrem os acidentes causados por ?toques laterais? nas corridas de Fórmula Indy... os pilotos estão à 350 km/h!!

O aumento da idade é outro fator que gradativamente promove a redução da VP. Enquanto uma pessoa jovem tem uma VP de 190º, um adulto tem VP de 180º e um ?cinqüentão? uma VP de 150º. Embora esta perda seja um fenômeno absolutamente natural, a idade avançada propicia uma maior ocorrência de Glaucoma e Catarata, duas doenças oftalmológicas ?silenciosas? que de forma lenta e gradual reduzem a VP do portador e se não tratadas a tempo podem levar à cegueira permanente.

Estudos indicam que pessoas com VP deficiente têm até 3 vezes mais possibilidade de se envolver em acidentes do que uma pessoa com VP normal. Há quanto tempo você não consulta um oftalmologista?

Ações preventivas, quer no trânsito ou na saúde, garantem uma longevidade com qualidade. Cuide-se!

 Luiz Roberto M. C. Cotti

11.3467.6771 - 11.9357.7310

[email protected]  

www.sobrevivencianotransito.blogspot.com  

www.sobrevivencianotransito.com.br



Veja mais em: Teoria e Crítica

Artigos Relacionados


- Uma Questão De Atitude
- Os Cinco Sentidos
- Motoristas E Pedestres
- Cuidado!! O Motorista Sumiu!!
- Acerte Os Ponteiros Com O Seu ?relógio Biológico?
- Chuva E Aquaplanagem
- Ufa! Quase!

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online