PUBLICIDADE

Página Principal : Teoria e Crítica


O QUE É DECADENTISMO?



DECADENTISMO

Deriva de "decadente", termo posto em voga a partir de 1882, graças a um artigo de Paul Bourget publicado em La Nouvelle Revue (XII, 15/11/1881), em que procurava chamar a atenção para a idéia de decadência perceptível na poesia de Baudelaire, e num soneto de Verlaine ("Langueur"), que evoca imagens da decadência romana. Os "decadentes", seguindo os passos de Baudelaire, pregavam a anarquia, o satanismo, as perversões, as morbidezas, o pessimismo, a histeria, o horror da realidade banal, ao mesmo tempo que cultuavam os neologismos e os vocábulos raros ("abscôndito", " adamantino", " flavescente", " lactescente", "hiemal", " marcescente", etc.). Com o manifesto de Jean Moréas, publicado no Figaro (18/9/1886), definindo a nova tendência, o rótulo revelou-se ineficiente para abonar todas as ambições poéticas das jovens gerações. Após 1890, o termo Simbolismo generalizou-se.



Veja mais em: Teoria e Crítica

Artigos Relacionados


- Um Lírico No Auge Do Capitalismo
- Quadro Demonstrativo Das Escolas Literarias Em Protugal E No Brasil
- O Realismo
- Os Perigos Da Poesia E Outros Ensaios
- Painel Dos Movimentos Históricos No Brasil
- O Fantastico Na Arte Contemporânea
- Entre Ecorrevolucionários E Ecorreformistas, O Papel Da MÍda

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online