PUBLICIDADE

Página Principal : Estudos de Religião


No reino de Mamon



No reino de Mamon
Na antigüidade, conforme sabemos, eram cultuados muitos deuses. Mamon, contudo, não era o nome de uma divindade e sim um termo de origem aramaica que significava dinheiro, riqueza.
Jesus disse que não é possível servir a dois senhores, e deu exemplo entre servir a Deus e a riquezas (Mamom).
Todo servo de alguém irá agir de forma a agradar ao seu senhor. Vemos hoje no mundo e quero falar especificamente sobre o Brasil, uma corrida a qualquer preço para se enriquecer. O que rege a decisão das pessoas em sua maioria tem sido: o que é que eu vou ganhar com isso ou o que vou perder em termos financeiros. É evidente o reinado de Mamom sobre pessoas que agem estritamente em função de ganhos financeiros. É óbvio que precisamos ganhar dinheiro para viver e não vejo problema algum em alguém adquirir riquezas, uma vez que a própria palavra de Deus diz que ele se alegra com a prosperidade do seu povo, e que Ele nos dá poder para adquirir riquezas.
O problema não reside em adquirir riquezas, mas na maneira com que isso é feito. No reino de Mamom não importa o custo, não importam os meios, desde que se acumule recursos, tudo é válido. O dinheiro toma o lugar de Deus na vida da pessoa que passa a idolatra-lo e servi-lo sem reservas.
O que estamos vendo no Brasil nesses dias, com esse acidente aéreo é simplesmente um reflexo e uma conseqüência do reinado de Mamom na vida das pessoas. A vida humana, o respeito à dignidade humana são colocados de lado em função de questões econômicas e com vistas a evitar possíveis prejuízos calculados caso as decisões de segurança fossem tomadas. Perde-se a noção de perigo e a de limites muito facilmente em face de cálculos que apontam as perdas financeiras. Nesse caso o custo foi de aproximadamente 200 vidas, em outros, perdas bem menores, porém em todos eles a semelhança é que o processo de decisão é baseado no reino de Mamom.
Uma das coisas que precisamos aprender em nossa conduta pessoal é detectar quando estamos agindo por esses princípios e rejeita-los de imediato. Muitas vezes perder dinheiro será a decisão correta, outras deixar de ganha-lo também. Precisamos crer que Deus cuidará de nós a cada dia e não deixará que tenhamos falta de nada. Muitos de nós iremos adquirir riquezas, mas agindo debaixo de princípios do reino de Deus, onde reina a justiça que é uma árvore cujo fruto é a paz, e quando experimentamos essa realidade vivemos em alegria indizível e cheia de glória. Creia, é possível viver muito bem sem ter que priorizar ganhos financeiros a todo tempo. Muitas vezes recuar vai significar um avanço futuro. Muitas vezes perder será um grande ganho. Essa é a lógica no reino de Deus.
Eis uma lição sobre o que devemos fazer quando somos atingidos pela dor. Nenhuma mão humana é capaz de curar um coração ferido; é preciso entregá-lo a Deus (Lc 4.18; Mt 11.28-30).


Veja mais em: Estudos de Religião

Artigos Relacionados


- E Você é Feliz?
- O Deus Que Eu Sirvo
- Moradas
- Reino De ConsciÊncia
- Ambição: Sim Ou Não?
- E Qual é A Sua Prioridade?
- O Amor De Deus!

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online