PUBLICIDADE

Página Principal : Estudos de Religião


Nazca



No deserto cálido de Nazca, situado no Peru, um dos maiores enigmas arqueológicos da Humanidade aguarda uma resposta da Ciência!

Em uma área de aproximadamente 525 quilômetros quadrados e com datação entre 200 antes de Cristo e 800 depois de Cristo, centenas de desenhos sulcados no solo se transformam em enormes figuras geométricas, linhas retilíneas que seguem por quilômetros, espirais e diversos desenhos de animais estilizados e figuras humanas, medindo por vezes, centenas de metros nos levam aos seguintes questionamentos: Como e quem, há milhares de anos atrás, desenhou essas gigantescas figuras, se a única forma de visualizá-las perfeitamente seria a uma altitude de aproximadamente 300 metros? Quais eram as intenções desses geoglifos? Seria uma pista de aterrissagem extraterrestre?

Desde 1981, quando li pela primeira vez sobre estas misteriosas linhas associadas ao tema extraterrestre, por meio da obra do suíço Erich Von Däniken, o livro ?Eram os Deuses Astronautas??, fiquei intrigado e possuía grande vontade de visitar a localidade para constatações pessoais. Anos mais tarde, quando assisti ao filme sobre o livro de Däniken, aumentou minha curiosidade e decidi que um dia iria concretizar este sonho juvenil.

QUEM DESCOBRIU AS LINHAS DE NAZCA?

Em 1926, um famoso arqueólogo peruano chamado Toríbio Mejia Xespe, foi informado por camponeses sobre a presença das estranhas figuras traçadas sobre o solo desértico. Não deu muita importância na época e julgou tratar-se de estradas utilizadas pelos povos pré-incaicos em rituais religiosos.

Entretanto, há registros que estas linhas já eram conhecidas durante a época da conquista espanhola, pois figuram das crônicas de fins do século XVI de Luis de Monzón, fazendo menção que as linhas eram feitas pelos índios por causa dos Viracochas ? grupo étnico minoritário descendente do mítico "homem-deus-viracocha" ? que segundo a lenda veio dos céus.

Em 1941 tomou conhecimento dos desenhos o arqueólogo americano, da Universidade de Long Island, em Nova York, Dr. Paul Kosok, que ficou extasiado com as figuras e especialmente quando notou que determinado conjunto daquelas linhas formavam um pássaro em pleno vôo e disse: ?Este é o maior livro astronômico do Mundo?.

Kosok regressou em 1946 ao seu País e sugeriu à sua assistente, Maria Reiche, que se mudasse para o Peru e continuasse a estudar aqueles enigmáticos pictogramas. Durante toda a sua vida, Maria Reiche, dedicou-se àquele estudo e concluiu tratar-se de um imenso calendário astronômico, além de ser um calendário agrícola.

MUITAS TEORIAS

Dezenas de hipóteses já foram formuladas para tentar desvendar os mistérios das linhas de Nazca. Contudo, até hoje não existe uma só TEORIA que seja conclusiva. Vejamos abaixo 6 delas:

1.Sinais e pistas de aterrissagem para extraterrestres: O suíço Erich Von Däniken, em seus dois livros, ?Eram os Deuses Astronautas??, de 1968 e ?O Retorno dos Deuses?, de 1998, aborda esta teoria que motivou o crescimento do turismo na região e também de diversas especulações de que qualquer imagem mostrando um homem voador seria interpretada como um ?deus astronauta?. Defendia ainda, que estes alienígenas visitaram Nazca em tempos imemoriais e que as pistas resultariam dos gases produzidos pelas turbinas das naves;

2.Calendário astronômico e agrícola: Segundo o pesquisador Paul Kosok e a pesquisadora Dra. Maria Reiche, que dedicou sua vida inteira na resolução do enigma, concluiu que as figuras geométricas formariam um gigantesco calendário astronômico. As linhas constituem os solstícios, as posições e mudanças das estrelas. Sua teoria foi corroborada pelo astrônomo peruano Luis Mazzoti. Ela associou os signos do zodíaco a doze figuras conforme abaixo:

- Signo de Sagitário (24/11 a 21/12): Colibri;

- Signo de Capricórnio (22/12 a 20/01): Fragata;

- Signo de Aquário (21/01 a 19/02): Raiz;

- Signo de Peixes (20/02 a 20/03): Peixes;

- Signo de Áries (21/03 a 20/04): Cachorro;

- Signo de Touro (21/04 a 21/05): Mãos;

- Signo de Gêmeos (22/05 a 21/06): Árvore;

- Signo de Câncer (22/06 a 21/07): Lagarto;

- Signo de Leão (22/07 a 23/08): Iguana;

- Signo de Virgem (24/08 a 23/09): Aranha;

- Signo de Libra (24/09 a 23/10): Condor;

- Signo de Escorpião (24/10 a 23/11): Macaco.

3.Estradas dos antigos Nazcas: Os astrônomos e antropólogos norte-americanos, Anthony Aveni, Gary Urton e Persis Clarkson dizem que as linhas retas mais longas seriam caminhos que conduzem aos lugares sagrados. Entretanto, até hoje não foram encontradas ruínas no final das linhas que corroborassem esta hipótese.

4.Mensagem para os extraterrestres: Ufólogos especulam dizendo que tais símbolos seriam uma forma de mensagem para os ?deuses extraterrestres?;

5.Influência da astronomia Maia: O autor Gilbert de Jong encontrou similaridade entre as ruínas de Izapa, no Iucatã e os pictogramas de Nazca, o que poderia indicar esta influência.

6.A Teoria do Dilúvio: O autor australiano Robert Bast, afirma que todas as formas animais representadas no deserto de Nazca seriam em memória aos animais desaparecidos no Dilúvio.



Veja mais em: Estudos de Religião

Artigos Relacionados


- Peirce E Semiótica
- O Brasil é Mesmo De Virgem?
- Eram Os Deuses Astronautas?
- As Pedras Preciosas - (homem, Mito E Magia)
- Plutão Em Capricórnio! 25/1/2008.
- Teatro, Um Olhar Semiólogo
- Tendencias Em Decoraçao - Existem?

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online