PUBLICIDADE

Página Principal : Estudos de Religião


A Transformação do Ser



A Transformação do Ser.

Nascemos simples e ignorantes. Aparentemente pode ser verdade, devido à fraqueza demonstrada ao nascermos. Sem falar, sem andar, pouco vê... Nada se sabe. Acontece que é a continuação da nossa história de vidas, mais uma para contar que assim se inicia. O corpo não pode nascer grande, maduro, embora o fluido vital que o animará, certamente vem de longe, de outras vidas, de outros países... Fala-se que um espírito toma seu novo corpo; infelizmente isto não pode acontecer, posto que o corpo não suportaria a energia do espírito, tanto por sua fragilidade inicial, como pela não preparação do encarnante como um todo. Na infância é criada a personalidade, até os sete anos de vida, na nova vida. É a época em que a pessoa é mais consciente, tem a consciência mais livre. Perdemos a consciência gradativamente, à medida que os agregados psicológicos, da encarnação passada, se vão achegando ao novo ser. Precisamos ter a mente livre, leve para poder entender estas coisas. Observem como a criança é leve, espontânea... À medida que crescem vão se transformando, aparecendo seus defeitos psicológicos, suas manias. Se pudéssemos ver sua vida anterior conseguiríamos, tranquilamente, entender suas características, seus gostos e visões que vão demonstrando da vida. Ilusão pensar que tudo está sendo formado, que a criança veio do ?nada? mental.

É extremamente necessário entendermos estas coisas, para que hoje, maduros e cheios de defeitos e vícios, possamos buscar a transformação ensinada pelo meigo rabi da Galiléia. A transformação do ser, a que aqui queremos nos referir, não é a da infância, que acontece de forma espontânea e programada pelas leis naturais, pela própria mecânica da vida. A verdadeira transformação deverá acontecer de forma consciente, trabalhada na forja de fogo e brasa do cotidiano. Não pensem os senhores leitores que é o sofrimento ou a caridade que irão nos levar à transformação do ser, que irão levar à salvação como se costuma dizer nas religiões. A salvação é coisa íntima, pessoal e individual. Todos achamos bonito a história de Francisco de Assis, a angelitude de Jesus, o poder de Moisés, a profundidade de Paulo apóstolo; quem não se deleita com as narrativas do Buda e seu discípulo Arjuna; com os deuses indianos... Mesmo não havendo uma maior compreensão dos feitos e palavras dos nossos avatares, todos sentimos alguma alegria interior ante os dramas vividos por eles e seus ensinamentos. O problema maior é que, poucos de nós, acreditamos que podemos alcançar a ?santidade?. Muito menos nos dias atuais de cali uga. Meus queridos, para deus nada é impossível; creio ser isto o que Ele tanto nos quer dizer, através de tantas formas já trazidas para a Terra. É possível que meus queridos leitores ainda não perceberam que não falo de ficção científica (é isto que vos parece, não?), falo de realidade pura, de vida real e plena de possibilidades, de vida em plenitude. A transformação do ser é isto: viver para Deus, descobrindo do deus dentro de si mesmo e deixar que ele governe nosso viver. Sei que tudo isto é muito difícil, por isto que falei não poder ser através do sofrimento ou caridade; isto seria muito pouco para uma conquista tão imensa. Só através do conhecimento não intelectualizado, mas, tornado sábio, é que podemos nos transformar. Não podemos mudar o mundo, mudando a nós mesmos, estaremos contribuindo para a mudança global. O conhecimento é nossa maior e melhor ferramenta de trabalho, neste mundo. Conhecer, saber, desvendar as maravilhas do viver e por tudo em prática, tal é nossa oportunidade de vencermos nossos demônios internos. A prática dos ensinamentos é fundamental para o êxito de todo trabalho que deve ser empreendido. Não podemos pensar que somos seres inferiores, como quer que nos comportemos os falsos modestos e pomposos, ditos pastores de ovelhas já perdidas... É evidente que a humildade é fundamental e só os grandes seres a possuem; temos que olhar para dentro de nós mesmos e compreender que temos a essência divina, e que esta nos possibilita o encontro com deus! Assim, fica evidente, que todos podemos ser divinos, nos transformamos em verdadeiros mensageiros do amor e da paz, mesmo convivendo com o caos atual. O amor agrega todas as virtudes desenvolvidas dentro do ser e possibilita a vivência da paz e da harmonia interior. Bons estudos e muita paz em Cristo. Almorine Silva.  


Veja mais em: Estudos de Religião

Artigos Relacionados


- O Deus Que Eu Sirvo
- A Grande Transformação
- Liberte-se Do Inconsciente Coletivo
- A Compreensão é Tudo!
- Os Dons Espirituais E A Igreja De Cristo
- Comentários à Tito
- Site Facho De Luz - Metafísica Absoluta

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online