PUBLICIDADE

Página Principal : Filosofia


TRATAMENTO SÓ PARA PAREDES



Escrevo nesta parte da filosofia do schvOOng, muito a contragosto, pois o SchvOOng não disponibilizou nenhum espaço para as ANÁLISES DA MENTE HUMANA, feitas através de ANÁLISES E PSICANÁLISES .
Nas ANÁLISES , assim como nas PSICANÁLISES , os titulares que inventaram os termos cometem alguns pecadilhos de interpretação, compatíveis com a real dificuldade intelectual ou necessidade de satisfazer a VONTADE de seus pacientes, afim de continuar a ter pacientes .
A diferença entre a PSICANÁLISE e a ANÁLISE reside no fato de que a PSICANÁLISE é feita com o paciente à nossa frente , olhando para o teto da sala e flui bem , em termos de tratamento, pois não há contacto visual entre o analista e o analisando, sendo que consegue-se quebrar a MORAL e o paciente tem possibilidade de dizer suas dificuldades e DESEJOS , por mais esquisitos ou horrendos ( moralmente falando ) que sejam ! A ANÁLISE perde feio ! Não há como comparar !
Ambas, se forem colocadas à prova da MORAL são pouco críveis quando colocam que dentro do espaço compreendido pelas quatro paredes do consultório, não deve haver moral, predominando o DESEJO sobre a MORAL !
A PSICANÁLISE pode ser comparada com a CONFISSÃO que fazemos ao padre , em frente a um confissionário, onde dizemos a ele todos os nossos pecados , sendo que entre nós e ele , fica um quadriculado que impede a identificação daquele que ouve os pecados com aquele que confessa os pecados ! Se o padre está se excitando com as estórias que conta, não saberia dizer !Qual dos dois é mais pecador, também não saberia dizer ! Dizer que esses pecados são pagos , de joelhos, com orações, sei que é falso !
Sábio da parte de Freud !
Contudo, tanto PSICANALISTAS ( Freudianos ) como ANALISTAS ( os outros ) dizem que , indiferente de um fato ser verdadeiro ou não, devemos acreditar , crer em nossos pacientes. Isso é absolutamente FALSO !
Muitas das vezes , a própria interpretação que nossos pacientes dão a um fato, leva a distúrbio de intelecção , caindo naquilo que René Descartes criticava acerca daquilo que pode ser intuído e inferido como VERDADEIRO , com relação às informações que nos chegam do meio exterior !
Assim, quando um marido quixa-se do comportamento de sua esposa, deve ser arguido de fato se existe qualquer tipo de comportamento que possa levar de fato a essa desconfiança, sob pena de ser apenas fantasia doentia da mente de uma pessoa doente , em se tratando de como ela vê a vida - Se alguém está sorrindo para você ou dando risada de você !
Porisso, não se deve , em hipótese alguma deixar de questionar a VERACIDADE de tal e qual fato , que pode ser sim um DISTÚRBIO DE SENSO PERCEPÇÃO DE NOSSO PACIENTE e que compromete o restante do raciocínio !
A máquina de raciocínio humano é praticamente perfeita ! Processa todas as informações desde um estágio chamado de 1 até uma gradação 10 onde se emite o raciocínio final. Só existe uma falha ! A INFORMAÇÃO INICIAL !
Se a INFORMAÇÃO INICIAL estiver errada, compromete o restante do raciocínio. Assim, a informação de um ESQUIZOFRÊNICO PARANÓIDE de que todos o estão perseguindo deve ser vista com suspeita, devendo-se tentar perceber a real POSSIBILIDADE de tal e qual evento estar ou não acontecendo !
A VONTADE que esse ESQUIZOFRÊNICO vai ter ou não de manter relações homoeróticas futuras é de fundamental importância para se estabelecer se tal INFERÊNCIA que ele fez acerca do meio exterior é verdadeira ou falsa ! É , aliás , para isso que serve a CORREÇÃO DA SENSIBILIDADE VIA RAZÃO !
Assim, nem todas as informações que o paciente passa para o analista ou psicanalista devem ser tidas como verdadeiras, pois pode estar havendo um DISTÚRBIO DE SENSO PERCEPÇÃO que são fantasias que nosso cérebro prega em nós, todas as vezes em que o DESEJO está muito presente na vida de uma pessoa e ela começa a enxergar os fatos deturpados de como eles realmente são !
Assim , o " PENSO, LOGO SINTO " é de fundamental importância para que possamos ter uma vida de paz e tranquilidade, não nos deixando levar por DISTÚRBIOS INERENTES A TODOS OS SERES HUMANOS E QUE NOS FAZEM PENSAR ALGO, EM VIRTUDE DE SENTIRMOS TAL E QUAL COISA !
A observação, tanto de analistas , como de psicanalistas é realmente errônea em aceitar todas as informações de seus pacientes como verdadeiras, EXCEÇÃO FEITA PARA QUANDO O ANALISTA OU PSICANALISTA ESYEJA ACEITANDO COMO VERDADEIRA A INFORMAÇÃO QUE É FORNECIDA PELO SEU PACIENTE APENAS COM O INTÚITO DE LHE SATISFAZER A VONTADE, SER AMÁVEL E CONTINUAR A RECEBER SEUS HONORÁRIOS !
Há que fazer separação entre fantasias e realidades que estejam acontecendo, pois , afinal de contas , " O mundo é uma mera representação de nossa VONTADE" , como afirma Arthur Schopenhauer .
Acesse meu site - http://www.neurosehomossexual.com.br
Assina - Magnus Amaral Campos - médico devidamente inscrito no CREMESP sob número 36.185 , formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, curso tradicional de Medicina , ano de 1.979 e que vai disputar , com a anuência de Deus, como cabeça de chapa, as eleições ao Egrégio Órgao de Classe , ano que vem , em 2.008.


Veja mais em: Filosofia

Artigos Relacionados


- Por Que Homeopatia NÃo Funciona ?
- Desejo Sexual Como Sintoma
- Titularidade De " Penso, Logo Sinto "
- Biopatografia
- " Velle Non Discitur "
- 50 Minutos - Parte Ii
- Desculpe, Caro ColÉgua !

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online