PUBLICIDADE

Página Principal : Filosofia


TRATAMENTO NÃO É SÓ PARA SENADOR NORTE AMERICANO



Quem leu a notícia hoje no Yahoo , ou na "Folha on line " , pensa que só SENADOR NORTE AMERICANO é que tem a doença que venho tentando divulgar de NEUROSE HOMOSSEXUAL. Posso garantir para todos vocês , está cheia em todos os Países. não escolhe NAÇÃO para se instalar ! Trate a sua ! Eu CURO ! Leia essa reportagem da Folha de São Paulo de hoje .

Senador republicano renuncia após escândalo por "conduta lasciva"

Publicidade

on error resume next
ShockMode = (IsObject(CreateObject("ShockwaveFlash.ShockwaveFlash.7")))

da Efe, em Washington
O senador republicano Larry Craig, envolvido em um escândalo por sua suposta conduta lasciva, anunciou hoje que, em 30 de setembro, deixará vaga a cadeira que tem no Congresso americano.

AP

Após ser detido em aeroporto, o senador Larry Craig renuncia de cargo nos Estados Unidos
"Peço perdão a minha família, que têm a coragem de me apoiar nestas circunstâncias, e ao povo de Idaho pelo sofrimento que causei", declarou o senador em Boise, capital de Idaho (noroeste dos Estados Unidos).
A saída de Craig, que coloca fim a uma carreira de 27 anos no Congresso dos EUA, não alterará a situação na Câmara Alta, atualmente controlada pelo Partido Democrata com 51 legisladores contra 49 republicanos.
Craig, cujo mandato expira em janeiro de 2009, será substituído por um republicano designado pelo governador republicano do estado, C.L. Butch Otter.
O governador Otter, o superintendente de escolas do estado, Tom Luna, e familiares de Craig acompanharam o senador em seu pronunciamento à imprensa. Após sua declaração, Craig se retirou sem responder perguntas.
Craig, de 62 anos de idade, foi detido no dia 11 de junho em um aeroporto de Minnesota onde um agente policial, que averiguava conduta sexual em um dos banheiros para homens, alegou que o senador fez propostas lascivas para ele.
Segundo a gravação de vídeo do depoimento policial de Craig, divulgada pela televisão para todo o país esta semana, Craig disse ao agente: "O senhor foi quem me fez propostas", e o acusou de ter feito uma armadilha para ele.
Craig disse no depoimento que ele não é homossexual, mas também não rebateu a acusação. O senador chegou a um acordo com as autoridades para que fosse retirada a acusação mais grave de "interferência com a intimidade pessoal", e Craig se declarou culpado de "conduta inadequada".
Na terça-feira (25) Craig disse que tinha sido um erro ter se declarado culpado, mas a pressão entre seus próprios colegas republicanos para que deixasse o Senado começou a aumentar.
Em sua declaração de hoje (1º) Craig reconheceu que seu caso é uma "distração no momento em que o país enfrenta assuntos muito graves", e achou melhor deixar seu cargo.
Acompanhe as notícias em seu celular: digite o endereço wap.folha.com.br
Enviar por e-mail

Assina - Magnus Amaral Campos - personalidade mana - CRMESP - 36.185

Imprimir



Veja mais em: Filosofia

Artigos Relacionados


- " Pau Mandado "
- Senadores Tiram Dez Dias De Folga Para Dançar Quadrilha
- Matar , Por DistraÇÃo
- Era SÓ Terror PÂnico, Mal Medicado !
- James Bond - Casino Royale
- Steven Spielberg Negocia Para Ambiciosa Série De Tv Com Dinossauros
- NÃo Se Pode Confiar Nem Em Sequestrador

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online