PUBLICIDADE

Página Principal : Filosofia


CRISE NA SAÚDE



18/09/2007 - 11h26
Crise da Saúde no Ceará se agrava com bloqueio de serviços em hospital universitário

Há de se dar ciência de que , em São Paulo, onde a Medicina é menos mal remunerada do que em outros Estados da Federação, o plantonista recebe , por plantão de 24 horas, o valor de R$450,00 ( quatrocentos e cinquenta reais ), em média , sendo que ainda vai ter de recolher 27,5% à Receita Federal.

Da Redação
Em São Paulo

ad=''180x150'';
pos=''5'';
sum=''0'';
DEconn=0;
var DEt=new Date(); DEt=DEt.getTime(); DErand=Math.floor(DEt*1000*Math.random());
var scw=0,sch=0; if(screen.height){scw=screen.width;sch=screen.height;}
document.write('''');

A crise da Saúde no Estado do Ceará se agravou nesta semana com o bloqueio de 40% de todos os leitos das clínicas médicas e a suspensão de exames laboratoriais dos ambulatórios do HUWC (Hospital Universitário Walter Cantídio), da UFC (Universidade Federal do Ceará), em Fortaleza. O hospital, um dos principais da região, tem 138 leitos. A informação é do jornal "O Povo".

As decisões foram anunciadas na noite de segunda-feira, pela direção da unidade. De acordo com o anúncio, apenas serão atendidos os casos considerados de urgência. A meta é destinar parte dos 55 leitos que serão retirados da clínica médica para procedimentos mais complexos.

O HUWC tem uma dívida com fornecedores que já supera R$ 5 milhões. O montante total dos débitos acumulados, no entanto, totaliza R$ 12 milhões.

O problema foi agravado nos últimos meses, quando o hospital deixou de receber recursos na ordem de R$ 915 mil, referente ao pagamento de procedimentos de alta complexidade em cardiologia.

"Não posso continuar prestando serviços sem garantia de que vamos ser remunerados. Já que ninguém está preocupado com o ensino e os atendimentos de média e alta complexidade, só vamos fazer aquilo que nos é permitido", disse Silvio Furtado, da direção do hospital.

No comunicado, os responsáveis pela unidade de saúde informam que continuarão trabalhando com as secretarias estadual e municipal de saúde, bem como com o Ministério da Saúde, para garantir um adiantamento de R$ 700 mil para "normalizar" a situação do hospital, no que diz respeito aos procedimentos de alta complexidade: cirurgias cardíacas e os transplantes renais e de fígado.

Laboratórios
A direção do HUWC também revela já estar enfrentando problemas de abastecimento no seu laboratório central, por conta da dívida com os fornecedores.

Além disso, a distribuição ficou comprometida com o incêndio que atingiu a empresa Bomi Brasil, em Barueri (Grande São Paulo), responsável por toda a parte logística do Laboratório Abbott, fornecedor de insumos para o Walter Cantídio.

Os exames laboratoriais estão sendo garantidos aos pacientes internados, mas a direção informa que não pode trabalhar com toda a sua capacidade se não há garantia de que os serviços prestados vão ser efetivamente pagos.

Os hospitais universitários federais são unidades de ensino, pesquisa, extensão e assistência, que executam ações e prestam serviços de saúde. Eles integram o SUS (Sistema Único de Saúde), mediante convênio, sendo que o Ministério da Saúde contrata os serviços de saúde ofertados por estes hospitais em função das necessidades de saúde da população.


Veja mais em: Filosofia

Artigos Relacionados


- Saúde Na Visão Da Constituição De 1988.
- Desemprego Afecta Cada Vez Mais A Saúde
- Qual O " CÓdigo De Ética " ?
- Classificação Dos Serviços Públicos
- Porque Sou Contra A Cpmf
- Pagou Caro Pela SÍndrome Do PÂnico !
- Gasto Público: Onde Está O Real Problema?

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online