PUBLICIDADE

Página Principal : Filosofia


O papel dos meios de comunicação e a massificação da arte



O papel dos meios de comunicação e a massificação da arte

No decorrer desta febre de consumo, surgem novas artes, nomeadas de ?Artes Aplicadas? que englobam o design e as artes decorativas. A partir daí deixou de existir o conceito Arte pela Arte, privilegiando o aspecto prático e funcional, apesar de não perderem os valores estéticos (beleza). Consiste em projectar algo útil e funcional para a sociedade de massas, tornando os mesmos bens mais atractivos, satisfazendo melhor as necessidades de quem consome e apelar aos mesmos o desejo que consumir mais. Sendo produzidos em longa escala, para serem comercializados, são também mercadorias, logo estas artes estão sujeitas ao mercado, uma vez que são as vendas do produto que determina o seu sucesso.

A Comunicação Social (os media), também é um elemento fundamental em todo este processo, com os seus meios e técnicas conseguem fazer chegar ao público o produto e fomentam as necessidades, criando os desejos, influenciando (manipulando) o comportamento dos consumidores, que acabam por adquirir o bem material. O papel principal dos media é a manipulação de opiniões e criação de modas. ?É em função daquilo que vejo que os outros têm que vou criar a minha opinião e o meu desejo.?

Nas artes ditas clássicas, o artista que vende, que aparece e que investe, é aquele que é reconhecido. O cinema é, na actualidade, a arte mais mediática e traz consigo uma indústria, tornando-se uma máquina de fazer dinheiro, assim como na música. Por sua vez, as artes plásticas tornaram-se o alvo dos coleccionadores e dos investimentos.

Neste sentido, torna-se importante perguntar pelo verdadeiro sentido e critérios da arte, onde para a criação do ser artístico se supõe talento e prazer no acto de criar. Os artistas que criam para ganhar dinheiro ou obter estatuto, continuam a ser artistas? Infelizmente continuam, a arte deveria ser vista como fonte de prazer, não dinheiro. Mas continuam, indevidamente, a ser artistas, aqueles que o fazem por dinheiro e estatuto social.



Veja mais em: Filosofia

Artigos Relacionados


- Obra Sobre Arte Em Portugal
- Renascimento E Maneirismo
- O Caminho Do Guerreiro, O Paradoxo Da Artes Marciais
- A Relação Entre A Arte E A Sociedade De Consumo
- Dicionario D´artistas Plasticos: Macau-sec.xx
- Escola Bauhaus
- Questões De Arte: O Belo, A Percepção Estética E O Fazer Artístico

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online