PUBLICIDADE

Página Principal : História


Cangaço: Violência no Sertão Nordestino



A situação de miséria, as injustiças dos coronéis, a fome e as secas produziram no Nordeste um cenário favorável à formação de bandos populares, bem armados, conhecidos como cangaceiros. Esses bandos andavam pelos sertões assaltando fazendas e matando pessoas. Espalhavam medo numa terra sem lei.

O cangaço, tipo de vida dos cangaceiros é um movimento polemico.
Muitos o consideram uma forma pura e simples de banditismo e criminalidade. Para outros, o cangaço é uma forma de banditismo social, isto é, uma forma de revolta contra a opressão e a miséria da vida nordestina.

Entre os mais importantes bandos de cangaceiros destacam-se os de Antônio Silvino (1900) e o de Virgulino Ferreira, mais conhecido como Lampião (1920).

Depois que a policia massacrou o bando de Lampião, em 1939, o cangaço praticamente desapareceu do Nordeste.



Veja mais em: História

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online