PUBLICIDADE

Página Principal : Filosofia


A Razão do Aborrecimento



Algumas pessoas, devido os vazios e limitações que sentem em si mesmas, têm o hábito de desabafar suas frustrações sendo rudes ou emocionalmente grosseiras com os outros. Essas pessoas não percebem a extensão do envenenamento emocional que geram em torno de si, são vistas como indivíduos que conversamos por questão de cordialidade ou de necessidade mas que geralmente procuramos evitar. Não temos uma comunicação muito saudável com elas pois, quase sempre, seu comportamento tende a ser ?maliciosamente desrespeitoso, que denigre?.

Se observamos com o coração, veremos que esses indivíduos estão sofrendo, e muito. Eles sabem que se comportam mal contudo não têm espiritualidade suficiente para subjugarem seu mal humor e irritação; Muitos acabam cedendo a maldade, não mais se importando em possuírem uma personalidade com tons negativos marcantes. Observando, talvez você perceba que interiormente eles tentam mudar sua atitude porém, após sucessivas tentativas e fracassos, aceitam para si a ideia de que são daquela forma, foram educados assim e não adianta tentar mudar.

Percebi que certas condições forçam as pessoas a possuírem uma conduta que, no padrão, é marcada por transmitir agressões emocionais sutis, cujo discurso se inclina a denegrir e a sensação que produzem nos outros é negativa.

Suponho que não haja fenômeno que não venha a ter explicação pois todo fenômeno, exista ele na natureza ou no homem, necessita de uma mecânica coerente para se manifestar, embora esta demore a ser descoberta e cause muita dor durante seu processo de revelação. Percebi (e acho que não sou o único) que existem certos "alimentos" de que o ser humano necessita se nutrir de forma constante e regular durante todo o percurso de sua vida de modo a gradualmente eliminar sentimentos derivados da maldade como a raiva, o aborrecimento, a insensibilidade e o desprezo pelos outros por exemplo e imprimir mais e mais sentimentos nascidos da bondade de coração como compaixão, afeto e mais acima, amor.

Ocorre que o homem vive uma constante carência interna. Na realidade, ele se inclina a ter um espírito corrompido ou subnutrido caso não se alimente dessas coisas de forma regular e constante. Quando esse ?alimento? é precário ou inexistente sofremos as conseqüências negativas da subnutrição. Não é muito agradável a ideia de que para ser um homem ou mulher melhor você deva se sujeitar a leis da vida que estão muitas vezes acima ou em discordância com aquilo que você valoriza. Observando atentamente, o homem se inclina a aspiração de ser a fonte ou o centro do controle, a acreditar ter em si todas as respostas de que precisa.

A razão do Aborrecimento, sob meu ponto de vista, possivelmente reside no fato de entre todas as necessidades humanas, a espiritualidade é a principal. Afirmo que essa, quando adequadamente suprida, dá ao homem a capacidade de mudar lenta e gradualmente suas próprias tendências; Ela o fortalece em outras dimensões chaves: fisicamente passamos a ser mais dispostos, mentalmente mais reflexivos e esclarecidos e emocionalmente mais tranquilos e seguros quando palavras como fé e Deus deixam de ser assuntos pertencentes ao folclore ou a cultura popular e passam a ser conceitos sólidos, gerando benefícios mensuráveis na forma como o ser humano enxerga as situações e circunstâncias em que está inserido.



Veja mais em: Filosofia

Artigos Relacionados


- Fontes De Fortalecimento Humano
- Porque As Pessoas São Tão Difíceis?
- Combatendo Limitações Da Personalidade
- A Verdadeira Pessoa Sabe Que Está Errada.
- Acúmulo De Informação Não Obrigatoriamente Amadurece O Homem
- Para Quem Acha Que Deus Existe! Para Quem Acha Que Deus NÃo Existe!
- Um Discurso Sobre As Divergências Entre Fé E Ciência.

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online