PUBLICIDADE

Página Principal : Linguística


A Língua Portuguesa - Parte I



A LÍNGUA PORTUGUESA ? PARTE I

História

O Português é derivado do latim, língua que era falada em uma região da Península Itálica ? o Lácio (onde hoje se localiza Roma). Mais tarde, passou a ser a língua dominante de toda a península. Com as sucessivas invasões romanas, o latim foi levado para os países conquistados. A Península Ibérica (que corresponde, hoje, à Espanha e Portugal) foi uma das províncias dominadas pelos romanos. Os povos que nela habitavam acabaram assimilando a língua falada pelos dominadores. Além do aspecto lingüístico, os romanos foram pouco a pouco influenciando os costumes e as crenças dos povos conquistados. Estes, por sua vez, também contribuíram para a transformação do latim, com seus hábitos lingüísticos.
Várias causas contribuíram para a modificação do latim:
_ a língua falada pelos soldados romanos não era o latim culto, erudito; era o latim popular, uma língua pro isso mesmo em constate evolução;
_ as conquistas romanas ocorreram em épocas diferentes e numa vasta extensão geográfica.
Foram estes alguns dos fatores que deram origem à formação das chamadas línguas neolatinas ou românicas: o romeno, o francês, o espanhol, o italiano, o português.

Formação da língua portuguesa

Foi decisiva a transformação do latim vulgar para a formação da língua portuguesa; outros fatores, porém, tiveram também especial importância no processo de seu desenvolvimento.
Com a invasão dos bárbaros na Península Ibérica (século V), a dominação romana enfraqueceu-se. Embora alterado, o latim não desapareceu. Dos povos bárbaros, forma os vândalos, os suevos e os visigodos que mais influência exerceram na cultura da Península Ibérica; trouxeram, principalmente, inovações no vocabulário, na pronúncia.
Mais tarde, no século VIII, foi a vez dos árabes invadirem o solo peninsular. Eles possuíam uma civilização superior à existente na península. Adotou-se o árabe como língua oficial; entretanto, o povo subjugado continuou a falar o latim vulgar modificado. A influência árabe junto a esses povos se fez sentir apenas quanto ao vocabulário.
Com a invasão dos bárbaros e dos árabes e com a queda do Império romano no ocidente, houve o aparecimento de vários dialetos, entre eles, o galego-português, do qual surgiu o português.
A partir de meados do século XIV, começa a haver uma diferenciação cada vez maior entre o galego ? dialeto espanhol falado em Galiza ? e o português. O falar da nacionalidade portuguesa distinguiu-se dos falares de outras regiões graças:
_ à dialetação do latim vulgar;
_ à influência dos bárbaros e dos árabes que deram feições típicas ao falar da faixa ocidental da Península Ibérica. Com a independência política de Portugal resultou a separação dos dois idiomas: o galego e o português. Já no século XII começaram a aparecer textos escritos com características da língua portuguesa.

Superinteressante, n. 6. 1990, o. 56-57.

Continua...


Veja mais em: Linguística

Artigos Relacionados


- Origem Das Línguas Românicas
- Espanho Ou Portugues?
- Romania, Romano E Romance
- Língua Portuguesa -(dic. Ilustrado)
- A Lingua Portuguesa E A Unidade Do Brasil
- A Gramática Em Uma Perspectiva Histórica
- A Língua Portuguesa No Mundo

 
Sobre o site: Quem Somos |  Contato |  Ajuda
Sites Parceiros: Curiosidades |  Livros Grátis |  Receitas |  Frases e Citações |  Ciências Biológicas |  Jogos Online